sexta-feira, 20 de abril de 2012

Gordos, gordinhos e gordões


Sou gordo. Gordinho, daqueles gordos que não são assim goooordos , Mas sou gordo!
Sempre fui gordo, desde que me lembro de mim mesmo eu sempre fui gordo. Minha mãe fala que eu nasci gordo. Meus apelidos eram: Gordinho, gorducho, rolha de poço, caminhão pipa, cara de lua, reidondo e por aí vai.
Eu me casei com 89 kg para um 1,72mts que tenho de altura, hoje após cinco anos de casamento contrariando alguns sabidões e profetas do apocalipse que falaram que eu engordaria muuuuito após o casamento, eu estou pesando 90 kg, hahahahaha os falastrões se ferraram e erraram longe as previsões.
Não sou um daqueles gordos encucados e com gordura no cérebro, eu sempre fui assim. Nunca sofri por isso, sempre levei tudo na esportiva e inclusive nunca tive dificuldade em arrumar namoradas por ser gordinho. Sempre levei uma vida normal.
Mas na real mesmo, ser gordo não é bom. Comprar roupa não é legal, porque todas as roupas não caem tão bem na gente como caem num magro. As vezes dá vontade de comprar uma camiseta legal mas no fim ela fica feiona porque o gordo sempre tem que comprar algum número maior do que deveria e aí não fica bonitim, fica apenas mais ou menos.
Sabe, apesar de gordo eu até que me viro bem. Jogo futebol duas ou três vezes por semana, corro igual a todo mundo e no final do jogo ás vezes estou mais inteiro que muitos magrinhos que jogam comigo. Acho que a culpa acaba sendo mesmo é do meu biotipo. E olha que essa desculpa do biotipo é a melhor que já inventaram até hoje pra um cara comilão igual a mim...
Bom voltando ao assunto. Um amigão meu o Emerson, foi fazer uma operação de redução de estômago e uma psicóloga veio falar com ele. Sabe aquelas psicólogas que sabem de tudo do mundo? Então, ela começou falando que sabia que era difícil pro Emerson pois ela sabia que os gordos tem muita fome.
Opa! Opa, opa, opa! O Emerson foi obrigado a explicar para a sabichona que ele não tinha fome. Que quem tinha fome era o povo da Somália, os garotos de rua, o povo do nordeste... Ele não. Ele era gordo, e gordo tem é compulsão. Ai ele falou uma coisa legal. Que se ele estivesse passando de carro e visse num bar um salgado que lhe parecesse gostoso (e pro gordo tudo é gostoso), e se ele não parasse pra comer, ele então pararia em dez bares seguintes pra comer salgado pensando naquele que ele não comeu.
A sabichona pediu desculpas e o Emerson disse a ela que se fosse pra ele a ensinar sobre gordos, que o tratamento estava encerrado ali.
E é isso que eu quero dizer aqui. Quem sabe sobre os gordos são os gordos! Eu sei o que devo comer pra ser magro, quantas vezes por dia devo comer, que devo mastigar devagar, que devo conter a compulsão, que devo fazer exercícios físicos, que devo tomar chá verde, chá branco, chá preto e comer laranja com bagaço pra estimular o intestino a funcionar, que mamão papaia de manhã é um saaaaannnnnntoooo remédio, e que dois copos de água em jejum é muito bom! Sei de tudo isso e muito mais. Só que sou gordo. Meu metabolismo deve ser preguiçoso e eu também!
Então amigos, não encham o saco de seus amigos gordos, apenas os enxerguem como amigos. Eu não ligo pois como disse não sei como é ser magro, e nunca tive dificuldades com isso. Mas tem gente que é atormentado com isso e morre de medo de ser zuado e acabar servindo de escada para os engraçadinhos de plantão aparecerem um pouco. Então não dêem palpites e nem queiram ensinar seu amigo gordo porque ele já sabe tudo, e você não vai poder ensiná-lo mais nada. Peguem leve com o pesadão...

Ah, sou careca...
Mas isso fica pra outro dia, senão vocês vão ficar com muita inveja de mim!

44 comentários:

  1. Dedé, tudo bem com vocês?
    Muito legal essa tua crônica, pois já presenciei muitos fatos envolvendo gordos e não gostei nadinha disso. Afinal, tudo é questão da velocidade do metabolismo, a diferença básica é essa, e acho que se alguém não está feliz gordo, que faça uma dieta hipocalórica; se está feliz gordo, que siga seu ritmo normal, e pronto.

    Também já vi muito gordinho com colesterol, triglicerídios, tudo em dia; e magrinhos, com tudo alterado, então...cada um é cada um, e isso deve ser respeitado.

    Abração para vocês três!
    Um excelente final de semana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tudo é questão da velocidade do metabolismo e do garfo também, hahahahahahahahaha.

      Excluir
  2. Olá André, boa noite!

    Sabe de uma coisa? Cheguei a conclusão que os incomodados são os que reparam e criticam os gordos ou magros, altos ou baixos, carecas ou cabeludos, que aos próprios, ou seja, esses incomodados possuem "olhos gordos" ,,rsss...

    Gostei da crônica, muito legal!

    Excelente final de semana pra todos nós!

    Bjos da Lu...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Beleza Lú! Eles possuem olhos gordos, hahahahahhahahaha.

      Excluir
  3. Nossa,que legal , adoreeeeeeeei sua postagem. Já fui gorda meeesmo, durante toda minha vida quase (só vivi 16 quase 17 anos) , mudei a pouco tempo, ja vai fazer 2 anos. Assim, não vou mentir: a sociedade julga pessoas gordinhas sim, acham errado quando ela come um pouco a mais, quando ela vai a praia , dizem que a pessoa gordinha tem dificuldades com alguns esportes , e isso é um fato, mas nem sempre essas opiniões são válidas. Pessoas são pessoas, elas tem as suas particularidades, independentemente do seu aspecto físico. Eu acho que se perdemos o nosso tempo dando importância ao aspecto físico das pessoas, acabamos por deixar problemas maiores de lado. Gostei muito da sua postagem! Beijão, www.spiderwebs.tk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esses julgamentos estéticos não levam a nada. Tenha um ótimo final de semana Sabrina!

      Excluir
  4. "(e pra gordo tudo é gostoso)" hahahaha me rachei aqui!

    Cara vejo minhas fotos com 25 anos, bem magrão, me sinto até feio. Hoje tenho uma barriga de chope esperta e meu rosto da mais rechonchudo. Mas sinto que estou melhor. O foda é que depois dos 30 anos, o organismo fica preguiçoso, e para aqueles que sempre tiveram esse problema, como no seu caso, o organismo depois dos trinta praticamente tira férias.

    Em tempos de culto ao corpo, ser gordo parece algo de outro mundo. Mesmo que você diga que ser gordo não é legal, eu concordo, porém, se a pessoa é feliz e se sente bem, maravilha. Mesmo que venham com aquele papo de saúde e não sei o quê, é bobagem. Conheço muita gente rato de academia, cheio de problemas.

    Enfim... é isso aí.

    Recebi teu e-mail, vou dar uma lida e te respondo por lá. E já na resposta incluo como imagino seu personagem da periferia.

    Abraçãoo

    ----
    Site Oficial: JimCarbonera.com
    Rascunhos: PalavraVadia.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E olha que barriga de chopp custa caro hein Jim!

      Excluir
  5. rsrsrs André voce é muito engraçado. Morro de rir te lendo porque voce escreve as verdades de maneira tão informal que parece que estou conversando ao vivo com vc.

    Voce não e goooordo Vc ta um pouco acima do peso.

    Não sou gorda, mas não sou magrinha. Não passo fome...nem tenho sentimento de culpa por isso.....só faço terapia rsrsr

    Mas comer é muito bom. Adoro pratos...cheios...rsrs

    A obesidade é ruim no sentido que faz mal a saude.

    E como voce disse..o importante é comer sem culpa, e ser feliz.

    Um beijo, especialmente ao seu bebezinho... e a sua esposa.

    Bom sabado!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nas a intenção é conversar sempre como se estivessemos batendo papo!

      Excluir
  6. Que legal!!Eu já fui magrinha, média, gorda, voltei a ser magérrima( num período que quase morri) e agora estou rechonchudinha. Mas n~çao dou bola, pois nunca vamos conseguir agradar. Se estamos magras, perguntam se não estamos bem. Se gordas, já sabes...
    Então mando tudo se catar e vivo feliz. Pronto! rs abração e sempre legal te ler!chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso mesmo Chiquinha! Vai todo mundo catar coquinho na ladeira!

      Excluir
  7. O gordo protege, aquece, envolve, é independente, superior, feliz, conhecido, tem senso de humor e geralmente quando compromissado tem parceria com quem o ama de verdade.
    Quer coisa melhor do que isso?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu tenho um tio gordinho que mora em Jundiaí, hahahahhahaha.

      Excluir
  8. meu querido amigo,
    que crónica soberba a tua! e não poderia concordar mais contigo. eu próprio tenho um bom amigo que é baixinho e bem redondinho, mas tem um espírito e uma jovialidade que não têm igual. há uns anos, e depois de uma consulta num nutricionista, decidiu fazer uma dieta rigorosíssima, durante largos meses, com a promessa de que perderia 20 kgs. e perdeu-os, tendo acabado por provar a si mesmo o que obama, alguns anos depois, usurpou, usando como slogan de campanha: yes, i can. e todos nós, os seus amigos vimos e acabámos por confirmar. pois, meteram-se as férias de verão e, no regresso ao trabalho, ele estava igualzinho ao período que antecedeu a dieta. então, como é que é possível?
    - nunca fui tão infeliz como ao longo do tratamento - confessou-nos. :)

    abraço, meu querido amigo!

    p.s. nota: ele joga futebol e mexe-se muito bem, apesar de tudo :)
    p.s.2 não é careca, daí que na tua próxima crónica sobre calvície tenha de encontrar outro modelo para ilustrar a minha argumentação :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahhahahahhahahhaha valeu Jorginho!

      Excluir
  9. Oi querido gordinho,

    Tudo bem? Concordo contigo, pois tenho um filho que nasceu gordinho e não tem essa de comer demais, é apenas fofinho. Já vi muitos falsos magros que se entopem de remédio ou são referência de bulimia ou anorexia. Então, o legal é ser o que se é, feliz, tranquilo, esportivo como você falou, e, claro, um conforto para o Samuquinha em sua soneca.

    Bom domingo!

    Beijos.

    Lu

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lú, o importante é estar de bem com a vida sem se preocupar com padrões pré estabelecidos.

      Excluir
  10. Ola André,
    Cara tem a dieta da lua minguante, rsrsrsrsr... brincadeira... Você sabe que essa questão, mesmo não sendo gordo, quando passa na televisão me irrita? Pô, não pode comer isso, não pode comer aquilo, tome cuidado com o colesterol, triglicerides, glicemia, etc, etc, etc... Uma vez recebi um e-mail que mostrava um monte dessas práticas diárias para se ter uma vida saudável (estilo comer uma maçã todos os dias porque faz bem), conclusão o cara montou uma tabela e assim, o cara não pode fazer mais nada na vida, só se exercitar e comer tudo o que é bom "todos os dia"... o cara não se diverte, não namora, não bate papo com os amigos, não trabalhar, enfim um verdadeiro escravo...

    QUanto as roupas meu caro, cada um com o seu problema, eu por exemplo sou alto e tenho um "tronco" grande, dai tenho que comprar o número maior que tiver para não ficar parecendo que estou de baby-look, rsrsrsrsrsrrs....

    Abraços Flávio.
    --> Blog Telinha Crítica <--

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esses e-mails falam muita besteira né Flavão!

      Excluir
  11. Por percepções filosóficas, não faço mais ingestão de açúcar de doces, refrigerantes e guloseimas em geral...

    Nunca fiquei acima de peso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas ficou mais triste porque as guloseimas em geral são tããããããoooooo boas, hahahahahhahahahahahahaha.

      Excluir
  12. Oi André
    Vc é o cara mesmo! Eu dou muita risada, vc consegue tirar sarro de vc mesmo, e tem cada psicólogo que só fala o óbvio. É igual ao meu médico que fala prá eu lutar, eu quase falei prá ele, se eu lutar mais, vou socar um (kkkkkk). Voltando ao seu post, eu fui uma criança muito magra, meu apelido na escola era esqueletinho, daí minha mãe me deu tanta vitamina, Biotônico Fontoura, ovo de pata com leite condensado, que depois que casei, fez efeito, hoje eu "luto contra a balança", depois de duas gravides, eu faço academia três vezes por semana, mas porque eu gosto, mas o único regime que eu faço é o da lua, eu como de tudo menos a lua (kkkkkkkk).
    Bjão na família e um ótimo domingo.
    http://ashistoriasdeumabipolar.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lú, só de fazer academia já tá bom demais, tanto fisica quanto psicológicamente!
      Parabens!

      Excluir
  13. Rrsrsrsrs!! Você é demais com essas sua histórias...
    E olha que eu como pra caramba e não consigo engordar nem um pouquinho...peso uns 70kg há uns 15 anos.
    Um grande abraço!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Feliz Jorginho... Sinta-se feliz!

      Excluir
  14. Antes de eu casar, nas vésperas, um amigo meu que iria tocar guitarra comigo no meu casório me perguntou cinicamente: "Paulo, tu sabes qual a diferença entre o homem casado e o solteiro, eu disse que não, é simples, são apenas 30 quilos, distribuídos ao longo dos anos." Pensei, que escroto, mas também contrariando seus prognósticos macabros, eu tenho 3 anos de casado, me casei com 62, hoje estou com quase 65, tenho 1.70 de altura, ou seja, sou um magro enxuto e esbelto, kkkkkkkkk.

    E lendo teu texto o que mais me chamou a atenção é esse teu lado desencanado com o teu peso, tem pessoas que, mesmo não sendo "obesos", mas com alguns quilos a mais, sentem-se inferiorizados e com alta baixo estima, e não teu caso não rola nada disso, e pelas fotos que já vi tua e por essas tuas medidas, cara, não te considero gordo, mas beleza.

    Abração pra ti.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah Chengão. mas você é atleta né véio! Hahahahahhahahahaha você não conta!

      Excluir
  15. KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK André, quase passei mal de tanto rir com seu texto haha MUITO criativo, me identifiquei bastante com o tipo de escrita. Eu dei uma afastada da enternety, por isso não tenho vindo aqui. Estava com saudades de te ler rs
    Continue com esse bom humor que é sua marca registrada :D
    Beijos
    Sah

    __
    saahandradee.blogspot.com.br
    @qualsabrina
    @raasck
    ~

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que voltou Sabrina! Venha sempre aqui!

      Excluir
  16. Dia desses eu conversava sobre a questão do peso com uma amiga que se considera gorda, eu penso que os quilinhos a mais só devem se tornar uma preocupação quando se tornam um problema de saúde e realmente não é o que realmente acontece na maioria dos casos... O que há na verdade é uma pressão social, imposta por padrões que adotamos do corpo e do peso ideal... no último exame periódico que fiz, o médico constatou que eu estava 5 quilos acima do peso (brinquei dizendo que era o peso de minha consciência), mas para ser sincero eu não me preocupo, meu nível de colesterol e de glicose estão bons e alguns pneuzinhos a mais não são nem de longe um incômodo...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente Brunão, eu brinco mas o kit gordura pode trazer muitos problemas e desses a gente tem que se cuidar!

      Excluir
  17. kkkkkkkkkkkkkkkkkkk, andré...ri muiiito você tem muito humor, adorei seu post :D e Infelizmente essa é a sociedade em que vivemos, estabelece padrões de beleza, e que bom que você é desse jeitinho, pois as pessoas tem preconceito com tudo, desde sua unha do dedão, até seu último fio de cabelo
    mas adorei muito seu post :P
    www.amaralstarlight.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O que mata é essa tal de preconceito Matheus! Hahahahahahhaha.

      Excluir
  18. hahahahaha André, eu sou do nordeste mas não sinto fome não... hahahaha
    mas como mesmo assim, essa semana fui "almoçar" e disse que não tava com fome, quando terminei disse que tinha comido, mas tava sem fome antes mesmo de comer; dai ficaram falando "imagina se ela tivesse com fome... nunca vou te chamar pra almoçar na minha casa" kkkkk. Mas a ideia é comer para NÃO sentir fome. kkkk
    Eu tenho isso de gordura na cabeça sim, por isso me meti a fazer um exercícios que acho que não servem de muita coisa, mas pelo menos fico menos preocupada; me acho gordinha, mas não quero ser gordona. hahaha

    Boa semana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahahhahahahhahahahha Lala, você é da parte boa do nordeste, hahahahahaha, nunca teve que comer calango! Minha avó veio de um lugar que pra arrumar uma lata d'agua tinha que andar 5km até o açude, hahahahhahahaha, coitada!

      Excluir
  19. Ai amigo eu sou gordíssima. E nem queira saber o desgosto. Tenho 1,57 e peso 70kg.
    O pior é que eu penso que é doença mesmo. desde os 18 anos aos 39 tive 47Kg. Aos 39 fiz uma cirurgia e o médico disse-me que eu tivesse cuidado que ia ter tendência para engordar. Mas ainda assim até aos 50 só engordei três quilos. Mas aí tive que fazer cortisona e foi o descalabro. Em 3 meses engordei 10Kg. E daí para a frente foram mais 10. Eu não como muito. Para ter uma ideia, a minha 17mã que tem 47 Kg e o meu irmão com 58, costumam dizer quando nos reunimos que se comessem como eu estavam tuberculosos.
    Agora o amigo que é saudável, não tem que se preocupar com uns kilitos a mais.
    E essa história de que homem engorda muito depois do casório é chão que já deu uvas. Hoje em dia as mulheres preocup+am-se com a saude, fazem uma alimentação o mais sudável e portanto, se elas não engordamos maridos também não. Meu filho se casou com 80Kg há seis anos e continua com os 80Kg.
    Um abraço e seja feliz

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Elvira!
      Olha minha amiga portuguesa, não ligue pra essa gordurinha aí não, o importante é ser feliz e fazer as outras pessoas felizes!

      Excluir
  20. Peço desculpa pelas gralhas. queria dizer irmã, e preocupam-se. Isto são efeitos de escrever sem olhar para o que se escreve.
    Um abraço e boa semana

    ResponderExcluir
  21. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk'
    Só vc mesmo, André!
    bjss e ótima semana!

    ResponderExcluir
  22. RSRSRSRSRSRSRS...

    Pois é, André, concordo com você. Os gordos e cheinhos sabem muito bem o que devem ou não fazer para ter uma vida saudável e satisfatória. Quando não for problema do "biotipo" ... rsrsrsrsrsrsrs, cabe a eles o esforço necessário para se manterem no peso. Bom mesmo é ver os gordinhos bem resolvidos e felizes.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  23. Meu menino grande!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    vc é gordinho?
    Húmmmmmmmmmmmm...não sei falar dos gordos mais sei admirar...
    amai as críticas que se tem sobre essa raça de ser gordos,gordinhos e gordões,kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    bjs de bom dia!

    ResponderExcluir

Obrigado pela sua visita e pelo seu comentário, volte sempre!