sexta-feira, 11 de maio de 2012

Homens e meninos


Fui ao boteco da esquina comer um salgado pra poder manter a forma (redonda) que me custou muito dinheiro e de repente olhei um cartaz interessante.
Era um cartaz da Schweppes (tônica, citrus e club soda) que mostrava as latinhas dos refrigerantes e tinha apenas uma frase: Schweppes! Aqui se separa os homens dos meninos.
Caraco! - Pensei. - O que esses malucos estão querendo transmitir com uma propaganda dessas?
Acho que eu ainda devo ser menino, porque acho os refrigerantes dessa linha muito ruins... Só o citrus que é legal porque é uma cópia exata de um refigerante da minha infância que se chamava Gini.
Quem tiver mais de 35 anos vai saber do que eu estou falando. Eu adorava Gini. Pra mim os dois melhores refrigerantes do mundo eram Crush (um refrigerante a base de laranja) e Gini.
Depois de uns minutos de saudosismo onde cheguei a ver uma Gini geladinha direto dos entremeios dos meus neurônios, voltei a pensar no cartaz.
Será que eu estou igual ao Benjamim Buton que nasceu velho e foi ficando criança ao passar dos anos? Porque eu gostava de Gini quando era criança e agora a imitação diz separar os homens das crianças?
Ixi... Acho que tem alguma coisa errada aí...
Pra falar a verdade eu acho que fazer um refrigerante para homens é fria... Porque um homem que não bebe bebida alcoólica não fica por aí escolhendo refrigerante de marca tal ou sabor tal e o homem que bebe bebida alcoólica, ele bebe bebida alcoólica!
Um refrigerante pra brigar com as "ambevs" seria o mesmo que dar um tiro no pé, a não ser que os caras não queiram vender demais e sejam um nicho de bebidas para um público específico e fiel.
Existem várias coisas feitas para públicos específicos e fiéis, geralmente produtos caros em que o que vale é a qualidade adicionada ao preço e não a quantidade que se vende. Aqui na minha cidade tem um restaurante self-service que é igualzinho a todos os outros só que o valor da comida por quilo é três vezes mais e o restaurante vive lotado!
Virou grife! As pessoas que almoçam lá, só almoçam lá e fazem questão de dizer que almoçam lá.
Então acho que é isso que deve ser separar homens de meninos. Meninos iguais a mim não ligam muito pra essas coisinhas chiques que não me tragam nada a mais que um nome timbrado da marca da moda. Pra me conquistar tem que ter o sabor, a cor, o cheiro e o jeito que me agrade. Talvez se eu pensasse só em status e nada mais tomaria o refrigerante dos homens... Mas por enquanto vou tomando o dos meninos mesmo... Esse dos homens não combina com paçoquinha...
Hummmm! Adoro Tubaína com paçoquinha...



48 comentários:

  1. é isto que mais aprecio na tua escrita, meu querido amigo: a partir de quase nada, constróis uma rede de reflexões bem verdadeiras e inquietantes. admirável, pois.
    como tu, também procuro resistir aos apelos da publicidade e do marketing que, na maior parte dos casos, apelam à dimensão menos racional de cada um de nós. parar e desmontar o anúncio friamente [como tu aqui fazes] é um excelente exercício de autocontrolo e resistência :)

    um forte abraço com votos de um excelente fim de semana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Jorginho!
      Realmente se a gente fou só por impulso a gente tá ferrado!

      Excluir
  2. Que legal,André!! E lembrei bem do Crush!!

    O que importa é o sabor. O resto, é bobagem!! Eles até tentam,mas nem todos caem. abração,lindo dia das mães pra Andréa! chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahahhahahaha, valeu Chiquinha!

      Excluir
  3. Um post muito interessante pelas suas reflexões já que no que toca ao resto fico na maior ignorância. Não sei o que é paçoquinha nem conheço as marcas citadas de refrigerantes exceto a tal de Schweppes, que me lembro de em tempos ter visto à venda em Portugal e que nem sei se ainda se vende. Pessoalmente o único refrigerante que eu bebo, "quando o rei faz anos" é a 7 Up. Bebidas alcoólicas também não, tenho grande dificuldade em beber qualquer coisa que não seja café.
    Um abraço e bom fim de semana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Puxa Elvira! Aí em Portugal não tem paçoquinha? Não pode ser, deve ter com outro nome, hahahahahahaha.

      Excluir
    2. Pois. Mas se eu não sei o que é não posso saber ainda que haja com outro nome.
      Um abraço

      Excluir
  4. Interessante! Como vc disse, há coisas que são para publicos específicos, alguns só buscam status com certos produtos ou lugares mais "chiques" ou que estão na moda. Claro que desde que vc goste, que seje algo que te agrade, não há problema nenhum nisso, mas as pessoas vão muito pelo que está na moda.
    Como vc falou, tem que ter sabor, o cheiro que te agrade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Geralmente a moda é burra, assim como toda unaminidade!

      Excluir
  5. bacana essa coisa de não ter que se importar com valores que enfiam na cabeça da gente, eu tenho me questionado muito sobre isso, parabéns pelo texto.

    ResponderExcluir
  6. Os meninos são inconstantes...rsrs...

    Foi-se o tempo em que homem era homem e menino era menino....

    Abçs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os homens são meninos crescidos uai!

      Excluir
    2. Se fazem de louco para andar de ambulância.

      Excluir
  7. Olá parceiro, gosto muito de suas considerações tanto em suas crônicas quanto em seus comentários.
    Eu não gosto deste refrigerante de homem aí não e... WTF??? Que merda de slogan foi este? Pessoas de outro sexo ou condição sexual não podem bebê-lo? Sorte a delas...
    Eu não conheço os refrigerantes que citou, os únicos que me agradam são os tradicionais Coca-Cola e Pepsi, bebida alcoólica fico com cerveja e vinho mesmo.
    Acho interessante esta sua observação com o marketing, este restaurante de sua cidade pode ser comparado a muitas roupas de grife, as quais em alguns casos não vemos tanta diferença quanto algumas vendidas na 25 de março. E, em busca do status, muita gente faz papel de bobo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado por aparecer Cristhian!
      Realmente muita gente acha que é esperto e só faz papel de bobo cprrendo atrás de uma coisa que não lhes darão futuro algum!

      Excluir
  8. ....Eu sou do tempo da Tubaina..rs

    Parabéns pela cromnica!

    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Somos desse tempo Má... E como ele era bom...

      Excluir
  9. Dedé...
    xiiii... como publicitária posso te garantir, esses caras estão enterrando o produto deles..., para nem homens, nem meninos verem.

    Excelente crônica!
    Abração ao povo daí, e beijinhos no Samuel! :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também acho Cissa, mas o interessante é que esses refris são da Coca-cola que é rainha do "marquetingue".

      Excluir
  10. Oi amigo querido,

    Tudo bem? Olhe que sou do tempo da crush também. No meu tempo aqui no Nordeste quando não se tinha dinheiro para Coca, tomava-se guarina e olhe que lembrança dos quilos de açúcar. Você é inteligente e as suas sacadas no texto nos levam a ver como a propaganda nos engana.

    Beijos na esposa pelo primeiro dia das mães com o Samuquinha. Compre um lindo presente para o rapaz fazer bonito no dia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahahahhahahahaha tá bom Lú!

      Excluir
  11. Ola André,
    Você gostava mesmo de Cruch? Nossa, até hoje vende por aqui e acho um horror, rsrsrsrs... No mundo dos refrigerantes atuais vendidos aqui na minha cidade curto dois: Pepsi (geladinha, delícia) e Mineirinho ( que ainda é muito bom, não tanto como nos anos 80 ). E sabe, eu nunca gostei dessa história de marca... gosto do BBB, não é bigbrother, é "bom, bonito e barato" e claro com qualidade... Sempre digo isso aqui em casa: não como marca...


    Abraços, Flávio.
    --> Blog Telinha Crítica <--

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahahahahahhaha é isso aí Flavão!
      Esse mineirinho aí eu não conheço!

      Excluir
  12. Cara, como gostava de Crush, Grapete, Taí e o refrigerante Brahma, lembra? Como nasci pobre e consumia o que tinha, e até hoje não tenho frescuras com marca, grife e essas coisas, lógico que, quando vc tem dinheiro, tende a consumir o que tem qualidade, mas não é pela marca ou logotipo, mas pela qualidade em si, hoje, mesmo tendo um emprego razoável, ainda compro meias no camelô, roupas nessas lojas populares, e vez por outra em brechós, sim, pq não?

    Bicho, Tubaína, quanto tempo não tomo uma, me deu até sede agora...

    Abração pra ti crente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahahahahhaha você é do meu tempo!

      Excluir
  13. Muito legal, Andre!! Não conheci essas duas marcas de refri citadas por você. E o filhão como está???

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O filhão tá bom, hahahahahhaha, por enquanto ele só conhece leitinho e mais nada, hahahahahahha.

      Excluir
  14. Olá André,

    Adorava o crush, mas hoje não sou mais adepta de refrigerantes, embora tome coca ou guaraná, excepcionalmente.

    Ir em onda de marketing é "fria". O consumidor é altamente enganado pelas lindas e sugestivas propagandas.

    Não me envolvo com marcas. Não preciso deste "status". Como você, faço sempre opção pela qualidade, tanto em compras, quanto aos lugares que frequento.

    Mais uma excelente crônica!

    Desejo-lhe um domingo bem festivo em família. Abrace sua esposa por mim pelo dia das mães.

    Grande abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você é que está certa Verinha!

      Excluir
  15. Como ainda sou novinho ha ha ha antigamente lá pelos anos 65 tinha um refrigerante por aqui que a propaganda falava 'morena querida da nova geração', eu gostava muito e na época fez bastante concorrência com a dona coca cola, era a Ginger Ale que me parece que ainda existe lá pelas bandas da America do Norte e Canadá.
    Mas bom mesmo é um pão com mortadela acompanhado com um copo duplo de tubaína.
    Paçoquinha eu deixo para os fracos he he he.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então deixe as paçoquinhas pra mim!

      Excluir
  16. Os homens falam q nós mulheres somos problemáticas, mas eles são muito mais! U.U

    Adorei o "manter a forma redonda" kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    Eu gargalhei aqui alto, Andre!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hummmmmmmmmmmmmm problemático....

      Excluir
  17. Fala, André, tudo beleza?

    Passei esse semana meia corrida e quase não naveguei na blogosfera, mas é isso aí. Vamo que vamo.

    Como é que o nome? GINI????? eu tenho 46 e nunca ouvi falar de tal coisa...rsssss já a Crush, sim, essa aí era famosa. Mas não era feita de laranja, não, era tudo corante amarelo mesmo....kkkkk Ainda não existe não?

    Como não gosto de tomar refrigerante, exatamente para não cultivar a forma redonda, gosto de tomar água com gás(apesar que já ouvi falar que água com gás incha) e gosto também de água tônica, a da Schweppes tem mesmo um gostinho peculiar, mas prefiro a tônica da velha e boa Antarticta.

    Quanto à sugestão que você me deu, falar é fácil, é por que você não sobre da minha obsessão....rsss

    abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "meia" é outra coisa, né? "meio corrida". Ah, vai, por que agente fica corrigindo os errinhos que passam e agente nem percebe? que coisa chata de ficar mostrando que sabe um pouquinho de gramática... hheeeeee

      Excluir
    2. Mentira Edu. Nunca ouviu falar em Gini? No finalzinho dos anos 70 e começo dos 80 até 85 mais ou menos a Gini comandava pô!

      Dá uma googlezada aí que vc vai achar!

      Excluir
  18. Dedé,
    feliz dia das mães para tua mãezinha e para a Andréia pela primeira vez!
    Abração para ti e beijinhos no Samuel!

    ResponderExcluir
  19. André \o/
    Sério que minha resenha sobre A Pele que Habito chamou sua atenção? *.* Oh muito obrigada!!!
    Como vc disse nessa sua resenha, sempre falando as verdades da vida cotidiana, eu também não ligo para essas coisas de "marca" e elite..acho uma tremenda besteira. É que nem pagar 100 conto numa balada só pra se aparecer...melhor ir no rolê alternativo de 15 conto jkkkkk
    O problema do Banderas em Hollyhood é que o colocam para fazer filmes muito "pipoca" ou ruins. Acho que sabendo disso, Almódovar pegou ele e o fez mostrar o grande ator que é. Mas atenção: acho que vc não ia gostar de A Pele que Habito..ó treco lá é tenso e polêmico..chocante! Mas eu gosto de filmes assim kkkk.
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Melhor um rolê alternativo de 15 conto! Concordo!

      Excluir
  20. Fala parceiro! Ana criou este apelido de vampiro para nós dois porque somos os únicos aparentemente do grupo da Blogosfera que passamos as noites em claro postando ou comentando os blogues. Eu até gosto de alho, adoro uma pizza alho e óleo e, se analisarmos, de algum modo você me convidou para visitar o seu blogue indo ao meu, afinal, eu costumo retribuir visitas... ahah.
    A sério, eu também não sou muito adepto as datas comemorativas, filho de comerciante, vejo elas com outro ângulo, contanto, tal como você, o Natal é interessante e eu tenho até uma coletânea de contos sobre esta data, onde ocorrem coisas muito curiosas.
    Eu escrevi porque tive mesmo a intenção de escrever sobre não escrever. Não foi um post explicativo, eu já deixei desta mania de blogueiro novato, embora ainda o seja, de ficar tentando explicar o que escrevo e pessoas não entendem. Explico somente quando alguém pergunta ou faz uma observação pertinente tal como você o fez. Mas em comentários, não em posts específicos. A blogosfera já está bem saturada de homenagens ao Dia das Mães, ficamos até sem saber o que comentar, começou no início da semana então, acabei, como disse a parceira Ana, criando uma anti-crônica.
    Mãe é assim mesmo, só muda de endereço. Elas nunca percebem (ou não querem perceber) que os filhos crescem e isto acaba sendo bem engraçado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah bom! Ufa! Ainda bem que vc não é do lado do Drácula, hahahahahahahahahahhaha.
      Eu entendi sim seu tópico. É um anti-tópico! Hahahahahahahahaha.

      Valeu Christian!

      Excluir
  21. haahahahahahahahahahahaha... Dezinho, eu só posso dizer que ri litros! Cara, suas verdades e bobagens sempre nos levam à reflexão de algo. Bom demais!

    Ei, ainda em tempo, mando bjks na sua Andreia, pelo dia das mães, visse?

    Inté...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahahahahhahaha Legal Jó! Obrigado por aparecer!

      Excluir
  22. Bom dia amigo !!!!!!
    Trago na bagagem saudades de vc ,do chush,da grappet,do guaraná Dore (Coisa de minha terra)e do ksuk tbm,kkkkkkkkkkkk
    Fazes crônicas como ninguém...
    bjs no Samuca e recomendações para a mamãe do ano...
    prá ti menino feio deixo bjs recheado de saudade!

    ResponderExcluir
  23. Falou tudo Dé, Schweppes é marca de moda...
    Tb curto paçoquinha kkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  24. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir

Obrigado pela sua visita e pelo seu comentário, volte sempre!