quinta-feira, 10 de janeiro de 2013

O mistério da falta d'agua

Alguns textos aqui do blog são republicados em momentos em que eles se tornam significantes. Nesse momento o assunto nos telejornais é a falta d'agua. Então eu não poderia deixar passar batido, por isso aqui está a resposta para esse mal que assola o mundo. A falta d'agua! Espero que gostem e aprendam direitinho, seus desperdiçadores de água.




Outro dia, eu estava altas horas da noite passando de canal em canal na televisão, até que meio sonolento parei no programa do Jô. Comecei a assistir uma entrevista com um cidadão, que (me desculpe cidadão entrevistado), eu não lembro o nome. No meio da entrevista, esse cidadão falou que a falta d’agua no mundo se dá porque tem muita gente na Terra, e que cada pessoa, se tiver uma estatura média com pelo menos um metro e sessenta de altura e em boa forma fisica, tem dentro de sí em média vinte litros de água.
No dia eu achei que o cara era maluco, onde já se viu uma conversa boba dessa.
Só que a uns meses eu fui fazer um exame que se chama bioimpedância magnética, bonito nome né? E quando o médico me deu o resultado do exame eu fiquei chocado. Gente! Eu tenho dentro do meu corpo vinte e sete litros de água! Vinte e sete litros!
Então eu comecei a pensar que o entrevistado do Jô não era tão maluco assim (ou eu que estou ficando), porque se for fazer as contas direitinho, quanto mais a população cresce mais água vai faltando. Imagina na India, quantos litros de água andam na rua pra lá e pra cá? E na China? Aquelas águas amarelas vendendo pastel! Imaginem então a mulher melância, ela deve ter pelo menos quinze litros d’agua em cada banda da bunda dela...
E o meu vizinho Heitor, ele deve ter uns cento e noventa quilos, bem gordão e grandão. Puxa vida, agora toda vez que o vejo, eu lógo penso numa caixa d’agua. Esses dias eu estava podando minha àrvore na calçada quando ele veio conversar comigo. Na medida em que ele caminhava, na minha mente eu imaginava uma caixa d’agua transbordando dos lados, e a cada passo que ele dava, eu imaginava um som assim: ¨Blob, blob, blob." Nossa que pensamento ruim... O duro é que ele parou perto de mim e eu comecei a pensar que água parada dá dengue! Mas aí já é demais né? Acho que estou pirando na maionese com esse assunto...
Então comecei a refletir esses dias. O certo seria nós humanos pararmos de dar vitaminas, fortificantes, fubá, e coisas que fazem as crianças crescerem, ou parar de fazer tanta criança, porque agora, a média de idade está subindo cada vez mais e as pessoas estão morrendo mais idosas, então as águas estão demorando mais a voltar para a natureza, é uma conta matemática, mais gente menos água.
Imaginem só as mulheres estão cada vez ficando maiores, mais malhadas e popozudas, imaginem quanta água é preciso para isso? Bom, se bem que muitas não é água, é silicone... Ufa... Ainda bem!
Daqui uns dias vai começar a faltar é silicone, mas aí tudo bem eu não bebo silicone mesmo. Os maridos que terão que pagar os implantes é que vão chorar. Ô caramba! Agora que estou lembrando que minha mulher falou esses dias em colocar silicone... Bom, mas ainda não está tão em falta assim né? Acho que não deve ser tão caro...
Voltando ao assunto da água, a solução é economizar, beber menos água, lavar menos o carro, lavar menos o quintal, dar menos descarga no vaso sanitário, (isso é difícil), e usar a imaginação para economizar. Cada vez mais economizar.
Se a gente for ver, econômico é o anão, que deve ter só uns sete litros d’agua no seu corpinho...

40 comentários:

  1. KKKKK!!! Dessa vez vc viajou na maionese, hein meu amigo!!
    Essa do seu vizinho foi demais!!! rsrsrs...
    Parabéns pela imaginação.
    Adorei o post!
    Um grande abraço,
    Adelisa.
    http://adelisa-oquerealmenteimporta.blogspot.com.br/

    p.s.: não consegui comentar o post anterior, então deixei o comentário no face.

    ResponderExcluir
  2. kkkkkkkk... mto massa seus pensamentos...toh imaginando meus amigos como caixas d'agua agora...hehehehe... Realmente, precisamos economizar mais e mais...


    P.S: a melancia da Melancia cabe os 20 litros... já mediram num programa de tv...kkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  3. André, ri muito!

    Já comecei ao ler em seu perfil que é lindo, mas casado (pena)- feliz deve ser sua esposa, ou você por tê-la? Seja como for, é.

    De fato água em anão é economia, mas sério mesmo, não podemos parar de bebê-la, mas sim parar de fazer filho (isso lembra-me que tenho 2 rapazes). rsrsrs
    Foi gostoso vir aqui.

    Bjoks

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hehehehehehe sou lindo mesmo... Minha mãe e minha cachorra a Frida já me falaram isso, hahahahahhahaha, minha esposa também fala de vez em quando!

      Excluir
  4. André! Eu nunca mais vou parar de imaginar pessoas como caixas d'água por sua causa! hahaha Ótimo texto, só você mesmo pra pensar numa coisa dessas.
    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahahahahahaha a culpa agora é minha????

      Excluir
  5. Oi André, só você mesmo!
    Coitado do seu vizinho!! kk! Mas que imaginação!
    Adorei!
    Beijos
    Mariangela

    ResponderExcluir
  6. Penso que este sim eu já tinha lido. Interessante o humor com que tratou de um tema que na verdade afecta cada vez mais o planeta.
    Visto desta maneira, eu penso que não devo ter muita água. A minha médica está sempre a ralhar comigo e diz que a pedreira que tenho nos rins é falta de água.
    Daí que o meu ruído ao andar deve ser bem maior do que os que têm uma caixa de água. Imagine o barulho na pedreira,rsrs.
    Agora falando sério meu amigo, desperdiça-se muita água em grande parte do planeta. Água que em algumas partes do planeta salvaria muitas vidas. Em Portugal por exemplo, sempre que há uma rotura num cano vemos a água encharcar as ruas dois ou três dias até que os serviços camarários venham tratar da reparação. E nas nossas casas também. Conheço mulheres que lavam a loiça com a torneira aberta. Os dentes igualmente. A maioria das pessoas não usa copo para lavar os dentes a água está correndo o tempo todo. Depois os autoclismos (reservatórios de água para as sanitas, vocês chamam vasos sanitários julgo eu) actuais já vêm com duas descargas diferentes consoante a necessidade de momento. Mas os antigos só têm descarga total o que é um exagero de água gasta. Bom uma garrafa de litro e meio de água, cheia dentro do autoclismo é uma boa economia de água.
    Um abraço e obrigada por este momento de boa disposição.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É Elvirinha... Temos que economizar mesmo!

      Excluir
  7. Fala André, beleza?
    O texto é bem-humorado como você sabe fazer bem, mas por trás existe realmente o assunto sério que é a questão da água.
    O Brasil tem o privilégio de ser um dos países mais abundantes nesse recurso, mas isso não nos dá o direito de desperdiçar como vemos tantas vezes por aí.


    Um grande abraço e um ótimo fim de semana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O assunto realmente é serio! E as pessoas não se tocam! Valeu Almirzão!

      Excluir
  8. Olá!Boa tarde!
    Dedé...meu amigo!
    Bem humorado mas...
    esta água que deveria se renovar num ciclo sem fim, porém , como vc bem disse, o mau gerenciamento desse recurso tenderá a fazer da água um bem escasso.O homem esquece que as consequências de seus atos vão ou já estão aparecendo. E vai atingir o próprio ser humano. Desta e de novas gerações.
    Bom final de semana
    Abraços
    ClicAki Blog(IN)FELIZ

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seus comentários são sempre bons Felisão, obrigado!

      Excluir
  9. Lembro desse texto e vALEU A REPUBLICAÇÃO! ABRAÇÃO,CHICA

    ResponderExcluir
  10. André, seu vizinho nem imagina os seus pensamentos agora hein! Se imaginasse! Muito bom André. Esse é mais um texto com sua marca registrada de bom humor. Um grande abraço meu querido. Olha, beba pouca água! Economizar é preciso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahahahahhaha, não existe esse vizinho PCzão, hahahahahaha eu misturei realidade com fantasia nessa crônica, hahahahahahha.

      Excluir
  11. Dedé, amigão!
    Não esqueci de ti, tá bom?
    Retorno com calma como teus textos merecem. Por aqui tô no fogo cruzado haha
    Abração para vocês!

    ResponderExcluir
  12. Tanta água no mar... ela podia ficar doce.

    ResponderExcluir
  13. Fala Mansim, antes de tudo, quero te pedir perdão, tu voltou a blogar depois da hibernação, começou o ano, e só agora dei as caras por aqui, antes tarde do que nunca, kkkkkkk.

    Cara, lembro do teu texto ai em cima, e veio bem a calhar agora, e posso até comentar com propriedade, pois até o ano passado, eu trabalhava numa empresa pública responsável pelo abastecimento de água aqui em Pernambuco, a Compesa, como passei em outro concurso, deixei a Compesa em Dezembro último, e vivenciei por dentro todo esse processo de captação de água, tratamento e abastecimento à população, e posso dizer em poucas palavras, a água será o petróleo do futuro em poucos anos. Além de ser um bem que não é abundante na natureza (a água doce), o desperdício tanto destas empresas responsáveis pelo abastecimento, quanto da população é a causa de sua escassez, e a coisa só tende a piorar daqui pra frente.

    Um abração pra ti mano.

    ResponderExcluir
  14. Dedé, amigão!
    Voltei...
    ótimo texto e me lembro dele. Muito bom, porque retrata com humor uma situação complicada.
    Pois que os recursos naturais muitas vezes são esgotáveis, as pessoas deveriam ter essa consciência, para quem sabe não desperdiçarem tanta água, que é óbvio, causará danos a todos.

    Abração para vocês e um beijinho especial no Samuelzinho!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado por aparecer Cissa, vc é importante!

      Excluir
  15. KKKKKK!! Cara muito bom!! Gostai da mulher melancia...é a mais pura verdade!!Eu estou nessa média de 20 litros...imagino eu né??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu tenho isso só na barriga hoje em dia!

      Excluir
  16. só você mesmo para zoar com um assunto sério e pesado e deixá-lo leve e engraçado sem perder entretanto, a urgência do assunto!

    Economizar água, sim. Mas bebendo menos água???????????????????? você quer que a população mundial fique cheia de cálculos renais?????? péssima ideia, mano.

    Fazer menos filhos é um boa saída. Apesar que por outro lado, todo mundo vivendo mais e nascendo menos gente, a conta da previdência pira. Solução? colocar todo mundo para trabalhar até os 75 no mínimo...

    Já a água da bunda de todas as mulheres frutas está bem depositada; deixe-mo-las quieta.(gostou de "deixe-mo-las"? isso tá certo?? ).

    Todo mundo emagrecer sim, é uma boa sugestão. Eu mesmo estou com excesso de água na barriga...

    Enfim, conscientização é tudo. Tomar banho com menos água. fechar a torneira enquanto escova os dentes, não varrer a calçada com a mangueira...pequenos gestos que se todo mundo fizer, no final das contas faz diferença.

    Aproveitando (ainda que atrasado) um grande ano para você; um brinde com água mineral com gás Rio da Prata (que eu adoro)

    abraços.

    ResponderExcluir
  17. Amigo,

    Tudo bem? Voltando aos poucos e tentarei escrever semanalmente.

    Quanto ao seu texto, estava ainda agora lembrando essa questão a Mateus, pois ele também tira onda quando reclamo da falta de controle, mas já sei o que ela significa para a vida no planeta.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  18. hahahahaha, nossa! Texto engraçado e produtivo *-*
    amei, mesmo, não tem como não seguir, muito legal, com certeza voltarei mais vezes (:



    nidum.blogspot.com

    ResponderExcluir
  19. Já parou para pensar?
    O Próximo copo d'água pode conter partículas que foram ingeridas por Nabucodonosor, vamos brindar com uma taça d'água gelada. rs rs.

    ResponderExcluir
  20. André o/
    Ah eu estou levando a vida e vc? Passou bem as festas ao lado do filhote? Eu vi foto dele no Face...como está grande! Deu muitos presentes pra ele? O legal de criança pequena no Natal é isso...eles ficam encantados com os presentes rs.
    Ai eu tenho estilo menina má, pq? hohohohohohohoh. Mas na verdade eu passo parecer má mas sou uma pessoa bem sonhadora...talvez por isso eu aparente ser tão estranha.
    Cara, excelente esse texto! Eu ri de você imaginando seu vizinho gordão rs....
    Mas é aquilo realmente tem gente demais no mundo e o povo não pára de fazer filho...vc vai lá nas partes pobres e eles tem no minimo uns 15...aí dizem que tem muitos filhos por serem pobres..se são pobres deveriam pensar em alguma outra coisa pra matar o tempo do que fazer criança u.u
    Um bom começo de 2013 pra você, amigo!
    bjs

    ResponderExcluir
  21. Meu Deus Dé! Vc é doido mesmo, tudo bem que tem certa lógica no assunto, mas não é o grande causador da falta de aguá não! kkkkk
    Amigo maluco esse meu! kkk

    ResponderExcluir

  22. Rsrsrsrsrsrsrs...
    Esta crônica é divertida demais, André!
    Você é deveras muito criativo.
    Adorei reler.

    Afinal, sempre vale lembrar a importância de se usar este líquido precioso com consciência. E, com humor, melhor ainda-rsrs.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  23. Oi André
    Voltando a minha vida "blogosférica". Como sempre uma crônica que nos faz rir e refletir. Muito bom meu amigo! E vc se esqueceu das grávidas, elas carregam mais água ainda kkkkkkk. Obrigada pelo carinho de sempre no meu blog.
    Bjão. Fique com Deus!

    ResponderExcluir
  24. Lembro de ter lido a postagem original André e devo ter comentado a mesma coisa que comentarei agora, acho genial a forma com que você aborda temas sérios sem perder o bom humor que é característico de seus textos. A questão da água é de fato urgente, muito preocupante...

    http://www.sublimeirrealidade.blogspot.com.br/2013/01/kon-tiki.html

    ResponderExcluir
  25. Ainda bem que não somos vizinhos pra vc não ficar imaginando o meu "blob, blob, blob". Senti um certo bulying contra a minha água aí, não foi não?

    Seus textos são deliciosos. E adoro o MiLi.

    Beijo, André.

    ResponderExcluir

Obrigado pela sua visita e pelo seu comentário, volte sempre!