domingo, 14 de outubro de 2012

Ira! - Parte da minha herança

O primeiro contato que eu tive com o som de uma banda de rock foi com o disco "Vivendo e não aprendendo" da banda Ira!
Foi amor a primeira "ouvida". Daí em diante eu descobri que seria roqueiro e que essa banda iria me acompanhar pra sempre, nem que ela não lançasse mais nenhum disco... Só esse já estava bom pra mim...
Mas para minha alegria, essa banda prosperou e lançou muitos discos ao longo de vários anos. Até hoje me lembro que eu esperava o lançamento dos discos novos, e acompanhava tudo pela revista Bizz, que era a revista que trazia as novidades de cada mês que saiam nas lojas de discos. O próximo disco do Ira, foi Psicoacústica, e a crítica da revista não falou muito bem desse disco. Isso foi um erro cruel! Hoje esse disco é considerado pela crítica especializada como o melhor e mais influente disco do rock nacional juntamente com Cabeça Dinossauro dos Titãs... Mas esse disco não fez tanto sucesso. Suas musicas realmente não eram apaixonantes e fáceis de engolir numa primeira audição. Mas aos poucos os ouvidos mais atentos poderiam notar a qualidade das musicas e das gravações. 
Clandestino foi o próximo disco do Ira, novamente a revista Bizz não falou bem... Mas eu não ligava, era o primeiro a comprar na loja e botava na minha vitrola pra tocar. Realmente não eram todas as musicas boas. Uma pessoa que não fosse fã gostaria apenas de duas ou três musicas do disco todo. Eu acabei gostando de todas, mas depois de algum tempo.
Ví na televisão que o novo disco do Ira acabara de sair: Meninos da Rua Paulo! Corri na loja e comprei na hora... Nem quiz saber a opinião da revista Bizz, na verdade nunca mais comprei "aquilo". Botei na vitrola e sorri. Esse disco era melhor, tinha muitas musicas legais, e certamente traria o Ira para as paradas de sucesso novamente... Não foi bem o que aconteceu! Só uma musica do disco tocou bem e ainda por cima era uma regravação de um velho rock dos Beatles que Raul Seixas havia feito uma versão "Você ainda pode sonhar". Fiquei com medo da banda terminar alí.
Pra  minha alegria os caras da banda eram teimosos assim como eu, e lançaram "Musica calma para pessoas nervosas", que bom! Corri comprei e coloquei na vitrola... Que disco horrível! O pior de todos até aqui... Salvavam-se à primeira vista, a musica Arrastão e Campos praias e paixões. Eu acabei gostando do disco com o passar dos anos... Mas a crítica e o público não aprovou... O Ira acabou sumindo da TV e do rádio.
Alguns anos depois, se não me engano três anos, o Ira apareceu com um novo disco, de nome 7. Apenas isso. Comprei e coloquei agora no meu toca cd! Hehehehehe, eu tinha um toca cd! O disco era bom demais! Praticamente todas as musicas eram boas demais... Ufa! Finalmente um disco bom de verdade dos meus camaradas. E agora o nome da banda ganhava um ! e começou a se chamar Ira!
O legal é que eles imendaram com discos legais, "Você não sabe quem eu sou", "Isso é o amor", "Ao vivo na MTV", "Entre seus rins" e o acústico MTV, que vendeu mais de 350 mil cópias. Depois desse sucesso meteórico que o acústico teve, a banda desandou... Infelismente o Nasi se desentendeu com o irmão dele que era o empresário da banda, e se desentendeu também com o Edgard Sacandurra e acabou saindo da banda... Antes da saída eles ainda gravaram "Invisivel Dj", um belissimo disco que certamente se bem trabalhado também seria um sucesso. 
Hoje eu como fã, vivo dos discos antigos e dos discos solo que os ex-Ira! lançam quase todo ano. O Samuquinha meu nenêm já está entrando em contato com esse povo, pois eu comprei pra ele um cd e dvd da banda Pequeno Cidadão, que é uma banda onde o Edgard Sacandurra, junto com  Arnaldo Antunes e Taciana Barros e mais alguns bons musicos fizeram musicas só para crianças. Assim é a vida né!?  Nada é pra sempre... Mas as vezes coisas que parecem acabadas podem retornar um dia... Quem sabe.
Desses discos que falei aí em cima, faltou eu falar do primeiro do Ira, que se chama "Mudança de comportamento", que eu só adiquiri depois que havia comprado o segundo disco deles.
Fiquei sabendo numa entrevista do Nasi na revista Playboy, que o Clandestino, o Meninos da Rua Paulo e o Musica calma para pessoas nervosas, não venderam nem dois mil discos!!!!!!! Hahahahaha, mas em casa eu tenho... Isso é o que importa pra mim.
Agora apertem o play aí embaixo e ouçam a musica que o Samuquinha está curtindo do cd Pequeno Cidadão e vejam se esse menino vai ou não ser igual ao pai! 
Ah! Outra coisa... O Samuquinha além de roqueiro, vai ser sãopaulino também... São algumas heranças que deixarei pra ele, além da caréca depois dos trinta, hahahahaha, coitado!




27 comentários:

  1. Cara, não sou fã de Ira!, mas admiro seu gosto pela banda. Algumas vezes gostamos das músicas e acabamos gostando da banda, e torcemos, mesmo que eles lancem músicas ruins (ou não tão boas), que da próxima eles acertem. Chega a ser engraçado!
    Grande abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O duro é que é engraçado mesmo Matheus... Coisa de fã bobo!

      Excluir
  2. Olá!Bom dia!
    Dedé...meu amigo!
    é verdade... quando conhecemos uma banda/música e passamos a gostar dela automaticamente, começamos a falar para todos os nossos amigos o quanto aquela banda/música é ótima, corremos atrás de seus lançamentos, compramos tudo sobre, ( eu me lembro dessa revista Bizz e pouco da vitrola,risos), e sofremos quando há a separação e o fim...e com esse seu relato tão espontâneo e alegre não tem como Samuquinha não herdar nada sobre o Ira!...apesar que eu discordo que ele vá virar torcedor do São Paulo...os filhos "fanáticos modernos" gostam de contrariar os pais...#brincadeirinha hein?
    Bom início de semana!
    Obrigado!
    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahahahhahahahahaha sai fora Felisão, o Samuquinha já é sãopaulino!

      Excluir
  3. Nos meus tempos de menina, não havia bandas, ou se as havia eu não tinha rádio e não sabia.
    A unica musica que conhecia, era a que as mulheres cantavam trabalhando na Seca do bacalhau. Toadas melancólicas ou alegres, brejeiras algumas, musicas que o povo cantava. Quando me tornei mulher e tive um rádio, havia 4 cantores em moda. Calvário, o menino bonito que arrastava o mulherio todo atrás, Garcia, uma excelente voz, Simone de Oliveira e Madalena Iglesias. Com a entrada nos anos 60 as coisas mudaram, mas nessa altura, eu já andava virada para outras músicas.
    Com a minha neta é diferente. Quando ela nasceu, e se acordava de noite a chorar, bastava que os pais pusessem a tocar uma música para que ela se calasse e dormisse. Adora música, mas não liga muito ás tradicionais músicas de criança.
    Faz bem em educar o gosto do Samuquinha. Gostei do vídeo. Um abraço
    Gostei da música

    ResponderExcluir
  4. Esse contato com música pro Samuquinha é tri legal. E óbvio que ele terá o ouvido bem musical e gostará dela. Aqui em casa, Neno, que acaba de fazer 10 anos, todas as noites, é sagrado, dorme com o CD de musiquinhas para crianças, instrumental, tocando. Ele adora!! E O IRA e o time, ele poderá escolher e querer ou não. E a carequinha?rs... abração,chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Musica faz bem pra alma né Chiquinha!

      Excluir
  5. Oi André!
    Muito bom ensinar o Samuquinha a gostar de musicas!
    Elas fazem bem para a alma!!
    Tomara que ele torça para o seu time, porque aqui nenhum dos meus filhos torcem para o time do pai! Pra sua tristeza! KKK!
    Abração!
    Mariangela

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah... Acabei de falar isso aí na resposta que dei pra Chica! Hahahahahaha, obrigado por aparecer Mary!

      Excluir
  6. Dedé, bicho, o Ira! faz parte de minha adolescência, e acho que escutei pela primeira vez na rádio, parece que foi 'núcleo base', e escutei o 'mudança de comportamento', pra mim o melhor da banda até hoje, e me apaixonei, também acompanhava tudo pela saudosa revista Bizz, tinha um monte delas em casa, e lembro que na época comprei o 'Psicoacústica', que vinha com um óculos de papelão em duas cores, que era 3D, lembra? Também amo esse disco, mas confesso, depois de clandestino, que na época comprei um cassete, não consegui engolir nada mais do Ira!, e realmente foi uma bandaça, além de ter o melhor guitarrista brazuca de todos os tempos em minha opinião, o Edgar. Ótimo post.

    Abração irado pra ti.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você perdeu em para de acompanhá-los Chengão! Os últimos 5 discos deles firam os melhores!

      Excluir

  7. Assim não vale, André. Você está induzindo o Samuquinha a ter as suas preferências (rsrsrs).
    Nunca fui roqueira, por isso desconheço a banda e suas músicas. Mas esta do vídeo é realmente graciosa. Gostei de ouvi-la.
    Espero que o Samuquinha não o decepcione quanto à escolha do time-rsrsrs.

    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahahhahahahahhahahaha lógico que vale Verinha!

      Excluir
  8. Oi amigo,

    Adoro Ira, mas você está induzindo o rapaz. Já vejo ele vestido com o terno do São Paulo. Mas te falo que quando crescem, não levam em consideração as nosssas banda, pois o meu de 11 anos, passa longe do que colocava para ele quando bebê.

    Boa semana e beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahahahahaha induzindoooooo? Euuuuuuuuuuuu?

      Excluir
  9. é isso ae! Vai ensinando o Samuquinha desde já a gostar de música boa!
    Sempre tem uma banda que nos apaixonamos a primeira vista e por mais que as revistas especializadas dizem não ser lá grande coisa, o que importa é o nosso gosto!
    que bom que eles evoluíram e lançaram novos discos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem que ensinar desde o berço!

      Excluir
  10. A música e o time de futebol não são por livre e espontânea pressão não, André? Brincadeiras à parte, o Ira assim como tantas bandas, de alguma forma marcaram alguns de nós. Eu sou Raul Seixas futebol clube mesmo. Sou fã do maluco beleza desde que me entendo por gente. André, a sua relação, era a verdadeira relação de fã, aquele que não se deixava influenciar por qualquer tipo de crítica negativa que pudesse se fazer a eles. Um grande abraço, São Paulino.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. São PCzão! Livre e expontânea pressão, hahahahahahaha.

      Excluir
  11. Anônimo16.10.12

    Quem disse que nao podemos curtir musicas de ritmos diferentes , cançoes que falam de coisas que valem a pena em que pensar .
    Chama-se bom gosto as Cançoes que melhoram a vida e não invertem valores .

    Parabens meu irmao !

    Que Deus continue lhe dando essa sensibilidade que vem do Espirito de Deus.

    Tenho prazer em ser seu irmão ! ( duas vezes )

    Grande abraço

    Crisógono Junior

    ResponderExcluir
  12. Quem disse que nao podemos curtir musicas de ritmos diferentes , cançoes que falam de coisas que valem a pena em que pensar .
    Chama-se bom gosto as Cançoes que melhoram a vida e não invertem valores .

    Parabens meu irmao !

    Que Deus continue lhe dando essa sensibilidade que vem do Espirito de Deus.

    Tenho prazer em ser seu irmão ! ( duas vezes )

    Grande abraço

    Crisógono Junior

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também tenho esse mesmo prazer Jú!

      Excluir
  13. Nessa fase, seu filhote vai conviver com o que você gosta. E pode até assimilar. Como nós também mudamos as preferências, não há garantia que torça para seu time do coração (kkk). Bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahahhahahaha eu faço o que posso Mary!

      Excluir
  14. Fala meu nobre André, tudo beleza?

    Cara, vim aqui ver como anda o Verdades e Bobagens depois de algum tempo sem aparecer e me deparei com esse seu post que me fez recuar pelo menos uns 20 anos no tempo, pra relembrar aquela fase maravilhosa de correr atrás dos vinis das bandas que a gente mais gostava.

    Eu me lembro quando ouvi também pela primeira vez o Vivendo e não aprendendo, foi aquela coisa empolgante desde a primeira vez realmente. Mas minha paixão já tinha sido despertada antes para a Legião Urbana (rs), e a mesma dedicação que voce teve e tem com o Ira eu tenho com a Legião até hoje. Só quem é fã de verdade e teve de alguma forma a vida influenciada por um estilo musical sabe do que estamos falando.

    Meu chapa, vou colocar seu blog no meu blogroll para poder acompanhar todas as suas postagens a partir de agora. Um grande abraço e até a próxima!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahhahaha valeu Almir! Vc é sempre sem vindo aqui!

      Excluir

Obrigado pela sua visita e pelo seu comentário, volte sempre!