sexta-feira, 28 de outubro de 2011

O velhaco



Um dos primeiros velhacos da história do mundo que se tem noticia é um cidadão chamado Jacó, esse maluco era irmão gêmeo de Esaú, e naquele tempo o primeiro filho tinha mais direitos que os outros inclusive o controle da herança do pai. Segundo a Bíblia Esaú nasceu primeiro e Jacó estava segurando seu pé como se querendo passá-lo pra trás e pular na frente. O tempo foi passando e Jacó sempre foi tentando ser mais ligado aos pais e mais malandro para ver se ganhava as honras e a bênção do pai que determinaria seu principal herdeiro, com isso ele ganhou a preferência da sua mãe Rebeca que percebendo que não teria jeito e Esaú seria abençoado como de direito, resolveu então ajudar o filho malandro a enganar o pai Isac. Ele vestiu a roupa de Esaú e se colocou na frente de seu pai que estava meio cégão e não reconheceu que quem estava alí era Jacó. Então seu pai deu-lhe a benção e ele com isso ganhou as honras de primeiro filho e o direito sobre a herença. Mas Esaú ficou bravo pra caramba e se voltou contra o irmão safado que correu de medo e foi morar com seu tio Labão bem longe dalí.
Se Jacó era velhaco Labão servia pra ser seu professor, porque conseguia dar nó em fumaça e esconder as pontas. Jacó foi logo se apaixonando pela filha do tio e teve que trabalhar sete anos pra ganhar a mão dela em casamento e quando os sete anos se completaram o Labão empurrou a filha mais velha que era um canhão pra cima do Jacó e disse que a tradição era essa, primeiro a filha mais velha era quem casava e só depois a mais nova. Então Jacó teve que trabalhar mais sete anos pra conseguir a mão da bonitinha tendo que trabalhar feito um condenado e ainda dar assistência pra feinha!
O final da história você poderá encontrar no livro de Gênesis na Bíblia, pode procurar lá pelo capítulo 30 a 33 que você vai encontrar... Mas e aqui no nosso mundo? O que essa história tem a ver com a gente?
Os espíritas e os budistas, além de alguns esotéricos falam que tudo o que aqui se planta, aqui se colhe, ou dizem que se você entrar numa determinada frequência de conduta você só vai atrair pessoas iguais para sua vida, ou simplesmente dizem que o karma que você constrói em sua vida um dia vai se voltar contra você! É isso que essa história da Biblia fala pra gente... O mal que aqui se faz, a justiça divina vai te fazer pagar com juros e correção... Cuidado com suas atitudes porque talvez algum Labão esteja aí te esperando na próxima esquina querendo te estorquir, afinal como diz aquele ditado: Se o malandro soubesse como é bom ser honesto ele seria honesto só por malandragem!

18 comentários:

  1. Maravilhoso André, como tudo que vc escreve, e uma mensagem divertida, porém, verdadeira. E o baby, tudo bem? Beijosss

    ResponderExcluir
  2. Sabes bem que sou ateu, mas como todo ateu que se preze eu leio a bíblia e, com isso, achei muito boa sua analogia... Bem criativo!!!

    Como anda o bebezinho?

    Um abraço amigão!!!

    ResponderExcluir
  3. (RSRSRSRSRSRSRSRSRSR)
    Uma crônica bem divertida, André, mas que traz uma lição verdadeira.
    Gostei demais de ler.
    Ótima final de semana.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  4. Boa noite meu amiguinho !
    Sempre aprontando com seus textos fabulosos ...e eu só me divirto viajando na tua imaginação...oh!Menino traquino,sóm quero ver teu samuel quando chegar,kkkkkkkkkkkkkk
    bjssssssssssssss

    ResponderExcluir
  5. Fui assaltad hj.

    Mas estou bem, e sei pq.

    ResponderExcluir
  6. André o/

    Cara, vc é genial com esses seus textoa...com bom humor vc nos faz refletir!

    Valeu por ter curtido a postagem sobre o Poe!
    Bom, as histórias dele não é do tipo que todo mundo gosta, além do que ele tem uma narrativa bem rebuscada e foca-se muito em divagações..ás vezes acho que ele se perdia dentro dos próprios pensamentos que tinha enquanto escrevia...
    Ah que isso! Eu ainda preciso melhorar muito paera ser uma boa crítica de séries e semelhantes...mas vou tentando!
    bjs!!!!

    ResponderExcluir
  7. Já li trocentas vezes essa história e a Bíblia é cheia de sabedoria e nos traz lições de vida em todas as áreas. O interessante é que Jacó, que era neto de Abraão, ou seja, descendente do pai da fé, era filho da promessa, e não obstante, agiu dessa forma, e ainda sim estava nos planos de Deus que culminaria na chegada do Messias: JESUS CRISTO.

    Muitas vezes em nosso cotidiano nos comportamos como Jacó, sempre somos confrontados numa situação que usamos de esperteza ou velhacaria, isso é inerente em nosso ser e a analogia com o exemplo bíblico foi genial, ótimo texto e reflexivo.

    Abração pra ti.

    ResponderExcluir
  8. Dedé, tudo bem?
    rsrs
    Achei ótima tua narrativa bíblica POP! rsrs
    Pois é, "aqui se faz, aqui se paga"! Será?

    Assim seja! rsrs
    Afinal, "quem não deve, não teme"!
    rsrs

    Abração aos três e ótimo fim de semana!
    Não esquece de fazer a Andréia comer muito peixe e maçã, tá bom?

    ResponderExcluir
  9. Anônimo29.10.11

    cara, amém, viu!
    e que seja mesmo assim!
    o mal volte com força para os maldosos e que o feitiço contra o feiticeiro!


    \to aki retribuindo comentário, mto obrigada, pessoas como vc são a essência para a existência do meu blog



    http://diariodagarotadevariasfaces.blogspot.com/
    visita o meu blog? me dá esse prazer vai ;)

    ResponderExcluir
  10. Hehehehe eu falo que vc me deixa bebada com teus textos. Agora vou ter que ler a biblia... Fala sério André! Podia contar o fim da história ai kkkkkkkkkkkkkkkk
    Beijao!

    Ps: Sou espírita e acredito exatamente nisso.

    ResponderExcluir
  11. pois é André. Eu quero acreditar nisso. Mesmo que não se pague agora, que se pague depois. Pq não é possível que o Bush vá para o mesmo lugar de uma Madre teresa, etc. Se houver outra vida, que seja nela a punição ou algo do gênero.

    Adjetivos que eram pra ser obrigação do ser humano, hoje em dia são enaltecidos e diferenciais. Como: respeito, honestidade, bondade, etc.

    Abração

    www.jimcarbonera.com

    ResponderExcluir
  12. Papy André..

    Gosto do jeito que vc escreve. Muito.
    A impressão que fica é como se estivessemos conversanto ao vivo e a cores.

    Poucas coisas me aborrecem em relacão as pessoas.
    Me considero tolerante. Mas algo que me incomoda muito são as pessoas que abusam da nossa boa fé q quqerem levar vantagem nos enganando.

    E acho que td que plantamos colhemos.

    Se plantarmos o amor é amor que vamos colher.

    Um beijo..bom fds!!

    ResponderExcluir
  13. Muito legal isso,André! E temos realmente que plantar coisas boas, as colheremos... Feliz em estar de volta pra casa após a cirurgia do maridão, chego aqui nesse teu cantinho! abração,chica

    ResponderExcluir
  14. Não creio no "aqui se faz, aqui se paga", mas que, em algum lugar, haverá justiça.
    Você foi ótimo em seu texto. Colocou humor em considerações que até poderiam ter outro caráter.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  15. Perfeito meu amigo, gostei!

    Abraços!

    ResponderExcluir
  16. Andre, uma hora tem q pagar né [?]
    Sou Atéia e tenho um amplo conhecimento bíblico, pois já fui Católica na infância. E é mais ou menos por aí.
    Adorei tua narrativa bíblica meu amigo.

    Abraços e tenha um Ótimo final de Semana!

    ResponderExcluir
  17. André, bem que podia ter uma versão da Bíblia nesse estilo nera?! hahaha
    =)

    ResponderExcluir
  18. Mas...será que não teve nenhum lésco-lésco com a irmã mais nova nestes quatorze anos?
    Me engana que eu gosto, haja ovelhinha pro Jacó pastorear...não?

    ResponderExcluir

Obrigado pela sua visita e pelo seu comentário, volte sempre!