segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

Água e óleo se misturam sim

Minha esposa é uma comédia, uma linda comédia diga-se de passagem, de passagem pra vocês leitores, porque pra mim ela é linda e ponto!
Ela é uma comédia porque ela tem um jeitinho muito marrento de ser, ela se acha a durona, de vez em quando quer dar uma de mandona, (olha esses sapatos na sala!!! Olha esses CDs espalhados pela casa!!! Vai ficar rolando com a Frida no quintal... não é você que lava as roupas né? Tá achando que sou escrava???), essas coisas que as esposas duronas sempre falam.
Ela fala dormindo também, e fala muuuuuuiiiito e todas as noites, só que aí quando ela fala dormindo a mascara de durona some... Quando eu chego pra deitar se eu fico até mais tarde assistindo TV, ou escrevendo alguma coisa ou desenhando, eu então me deito do lado dela e ela começa a me tatear, tatear, tatear, e depois de tatear meu rosto ela sempre fala: _ Graças a Deus!!! Nóssa vocês não sabem como isso é legal!
Quando a gente se conheceu a gente era igual água e óleo, ela sempre foi uma menina de família criada para se casar, e eu pra fazer rolo por aí, ela era evangélica radical e eu roqueiro que curtia punk rock, ela nunca tinha bebido um gole de cerveja e nem sabia que gosto tinha e eu já tinha tomados uns vááááários porres, ela não saía a noite e tinha hora pra chegar em casa e eu saia e não tinha hora pra voltar pra casa, minha mãe é que sofria coitada...Ela só tinha namorado um carinha e largou dele quando ele quis dar uma de taradão e eu era mulherengo e não perdoava um rabo de saia! Ela foi criada numa família um pouco fria, sem calor humano, muito correta mas muito fria, e a minha família meus tios e tias, meus primos e primas são todos malucos, festeiros, brigões e amorosos, eu era dez anos mais velho que ela, já tinha feito faculdade, trabalhava de dia e lecionava como professor substituto à noite e ela ainda estava no terceiro colegial... Então como eu falei nós éramos a água e o óleo... Muita gente falava mal de mim pra ela, que eu iria ser um mal namorado, que eu era mulherengo, que eu era malvadão, mas ela resolveu correr o risco.
Hoje nós aprendemos a nos entrosar, ela cedeu muito pra viver comigo, e eu cedi muito pra viver com ela, eu hoje sou evangélico graças a Deus, mas sou roqueiro ainda, aprendi a peneirar as coisas boas das más, e ela é uma evangélica roqueira também, só que bem menos que eu, hoje a gente sai pra onde quer, faz o que quer, e se dá muito bem. Ela entende meu jeito amalucado e criança, de falar as coisas que me vem à cabeça, de perder o amigo mas não perder a piada, e de ser nervosão quando estou na razão, e eu entendo o jeito delicado, educado e até submisso dela com respeito à sua família, ela respeita os mais velhos e pode chorar sozinha mas não responde um “A” quando é magoada. E a gente tão diferente conseguiu fazer uma química tão boa e virar uma família feliz, que tem sim os seus quebra paus de vez em quando, mas que dura alguns minutinhos...
Eu tenho visitado vários blogs, e muitos deles são verdadeiros diários, onde “geralmente”, as meninas sempre falam de meninos que são muito diferentes e que então elas tem medo de sofrer, e elas escrevem aqueles poemões chorosos que até molham de lágrimas a tela do meu computador... Elas se preocupam que o cara vai traí-las, que ele vai sumir no mundo, que ele é muito rebelde e um mooooonte de dúvidas absurdas, que no fundo acabam fazendo com que elas talvez deixem passar o verdadeiro amor da vida delas (e deles).
Gente se o cara (ou a menina) lhes fizer sofrer sacudam a poeira e partam pra outra, a vida é boa justamente porque ela nos dá a chance de recomeçar. Se a Andréia não tivesse corrido o risco hoje certamente a gente não estaria junto e com certeza estaríamos menos felizes!!!!

42 comentários:

  1. Lindo, André! Uma declaração de amor, mesclada com desabafo e fechando com conselho aos menos experientes.
    Falando em declaração de amor... Que amor bonito! É essa dedicação que faz a vida valer a pena.
    Bj!

    ResponderExcluir
  2. André... seu "careca"... rsrs!!!

    Que mulher lindaaaaaaaaaaaaaaa! Que olhos ela tem! Transmita por favor... meus carinhos a ela e todo meu respeito!

    Caraca!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    Que post mais delicioso de se ler... bom saber que o amor existe e acontece de forma real e feliz!

    Amigo Querido... que tanto amo de paixão! Fico feliz demais por vc ter um casamento maravilhoso assim!

    Desejo a vcs todo o amor para continuarem juntos para sempre e felizes!

    Lindo demais... eu romântica do jeito que sou... irei dormir mais feliz hoje! rs

    Beijo doce e carinho pra ti
    Sil
    Sempre aqui

    ResponderExcluir
  3. BONITA SUA ESPOSA, ANDRÉ!!! E O CONTRASTE ENTRE VCS ME LEMBROU UMA MÚSICA DO ROUPA NOVA QUE DIZ "Ele é viciada em Astrologia e Guerra Nuclar... e eu, choppinho no Bar!" kkkk

    E BONITA MENSAGEM FINAL, CARA... DE FATO, TEMOS SEMPRE QUE NOS LEVANTAR, SACUDIR A POEIRA E DAR A VOLTA POR CIMA.

    AO MENOS, SEMPRE TENTAR ISSO!!! =)

    Abs,
    www.vemaquinomeublog.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Sua esposa é realmente muito linda. O nome dela também é lindo, gosto muito. Não digo que água e óleo não se misturo, digo que elas coexistem, assim como a alegria e a tristeza. Gostaria de que alguém aparecesse pra mim também e me fizesse querer arriscar. Que me fizesse sofrer, porque não consigo sentir nada. Talvez eu não esteja preparado, mas penso apenas em ser livre, não ter parada, poder ser como uma brisa, até mesmo um vento, uma tempestade.

    ResponderExcluir
  5. Olá, parabéns pelo seu blog. Tudo de muito bom gosto! Sucesso!
    Estou te seguindo, espero sua retribuição:
    http://umpoucosobreisso.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. é os opostos se atraem né??rsrs uahauahua
    mas é bom conhecer pessoas que sejam o oposto de nós, dá para trocar grandes experiências!

    valeu pela visita no meu blog!
    Um abraço p/ vc e p/ sua esposa!

    ResponderExcluir
  7. Own... tão fofo!
    Votos sinceros de q tudo continue dando muito certo para vcs.

    ResponderExcluir
  8. Parabéns André.
    A água é vida e o óleo alimento e energia imprescindíveis ao templo humano ‘morada do imponderável’.
    É bom que seja assim, nada evolui ou melhora quando se ancora na mesmice.
    Fico muito feliz por vocês.
    Tio Hugo e tia Landa.

    ResponderExcluir
  9. André, você me fez molhar o teclado de meu notebook aqui, mas foram de lágrimas satisfatórias. Pois com muito prazer e alegria li e reli seu texto de resumo sobre sua história com a Andréia.
    Primeiramente, eu já gosto muito do nome Andréia. Risos... Mas a história de vocês é única e, acima de tudo, um exemplo para algumas pessoas.

    Do fundo do meu coração, amei conhecer um pouquinho da história de vocês. Pode ter certeza de que você escreveu no momento certo, pois eu estava precisando ler ou ouvir algo assim.

    André, para você, Andréia e ambas famílias, um 2011 próspero e de muitas conquistas.

    Abraço de NINA

    ResponderExcluir
  10. PARABÉNS POR NÃO TER DESISTIDO DA ANDRÉIA!
    VOCÊS FORMAM UM CASAL LINDO DEMAIS! *_*'

    ResponderExcluir
  11. Meu amigo, tens razão, os opostos se atraem e se fundem, em nome do amr!

    Parabéns por dividir essa demonstração de felicidade com os amigos, isso só servirá de inspiração para os demais!

    Que em 2011 os sorrisos se multipliquem em sua vida!

    Abraços renovados!

    ResponderExcluir
  12. Nossa...que texto bacana!

    Sua esposa é realmente linda...e a historia um tanto linda também.
    Quem dera tdos tivessem essa corajem que voces tiveram, de se aceitarem e amarem, apesar dos contrastes.

    Talvez seja esse contraste que fez o amor de voces cresceram. Voce tem nela o que não há em voce.
    Já dizia, aquele moço bonito e sábio chamado Quintana:
    ...amor é quando a gente mora um no outro!


    Felicidades de Deus pra voces sempre!

    Beijos.

    ResponderExcluir
  13. Nossa, que linda declaração..

    Vocês formom um casal liindo.

    ResponderExcluir
  14. É André, a vida é assim. Gostei muito do seu texto. É fácil de se identificar. Sempre estamos gostando ou já gostamos de alguém diferente e saber que isso pode dar certo é sempre bom. Eu tenho me dedicado a falar sobre a diferenças entre mim e uma pessoa também, mas parece que ainda não deu certo ou não vai dar. Agora eu estou mais forte pra viver o que quer que seja no fim.
    Parabéns pelo blog e sua esposa é muito bonita.
    _______________________
    http://assimounao.blogspot.com/
    Lê, segue, comenta, sei lá.
    Eu retribuo.

    ResponderExcluir
  15. Ah, que lindo post, amigo! Adorei conhecer a sua esposa, ela é linda!

    A graça do relacionamento está exatamente nas diferenças e a grande vitória é saber conviver com eles em paz e harmonia. Eu e o meu esposo tb somos, em muitas situações, como agua e oleo, mas a gente vai se adequando um ao jeito do outro pq união é exatamente isso. Pra se viver um grande amor vale a pena =)

    Um forte abraço!
    www.nicellealmeida.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. linda história de amor *-*
    felicidades eternas por casal.-.
    kisses
    http://solootro.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  17. André, cada teatro tem o seu publico. Tem os de dramas, tragedias, que bom que no seu teatro, a Grande Atriz, é de comedia.Ao menos voce ri bastante Abraços
    Passei aqui lendo. Vim lhe desejar um Tempo agradável, Harmonioso e com Sabedoria. Nenhuma pessoa indicou-me ou chamou-me aqui. Gostei do que vi e li. Por isso, estou lhe convidando a visitar o meu blog. Muito Simplório por sinal. Mas, dinâmico e autêntico. E se possivel, seguirmos juntos por eles. Estarei lá, muito grato esperando por você. Um abraço e fique com DEUS.

    http://josemariacostaescreveu.blogspot.com

    ResponderExcluir
  18. Dééééé, q linda declaração Que linda a sua esposa...vc me trouxe mtos sorrisos hoje. O seu post está relacionado com o da Clei. Vc tem uma forma tão linda de escrever as coisas boas da vida e em outros posts as passagens ruins também. Fico encantada. Adoro. É sempre um prazer passar por aki. Bjos irmãozinho e bjos p minha cunhadinha linda tbm.

    ResponderExcluir
  19. Que post LINDO, ta ae o verdadeiro amor, se arriscando é que a gente consegue as melhores coisas... tomara que continue dando certo.
    Abraços e muita paz á voces!

    http://rayrapha.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  20. Linda história a sua. Que bela homenagem ao amor da sua vida!!!

    Raros são os homens que declaram seu amor publicamente!!! Parabéns!

    ResponderExcluir
  21. Mansim! Esta é minha última postagem do ano pra ti, meu amigo! E primeiramente eu tenho que dizer uma coisa simples e que vale bastante: Obrigado. Você bem sabe que eu não ligo lá muito para divulgar meu blog e coisas do tipo. Mas, mesmo assim; ver seus comentários, com toda a carga literária, caráter, pensamento crítico e sagacidade que você tem, sempre foi uma benção sempre que faço um login no Let-me-fly! Por isso, pelos seus comentários e sua presença por lá, eu lhe agradeço de coração pelo tempo que foi usado para ler minhas, como você mesmo diz, postagens quilométricas!

    Neste curto período de tempo da madrugada que eu uso para ler as postagens, acabei por ler todos os textos em atraso do seu blog. Mas dou aqui uma ênfase especial pro amor pela sua Frida e por esta última postagem: Realmente, Mansim, eu admiro cada vez mais você! Parabéns pelo casal, pela cachorrona de estimação, e eu realmente espero que, no próximo ano, as coisas só venham a melhorar pra você. Que seja um novo ano de oportunidades e de muitas novas idéias pra você nos presentear com seus contos.


    E, ao que me parece, este comentário vai ficar quilométrico como minhas postagens, mas eu ainda me ouso, rs. Pra finalizar, eu queria te postar aqui outra de minhas músicas favoritas: http://www.youtube.com/watch?v=UidYz1Je77s
    E, antes que me pergunte: Não, eu também ouço músicas ocidentais, rs. É só que as que mais marcam minha vida estão lá, na minha terrinha natal que é o japão.

    A lestra desta música, que se chama Kawa no Nagare no You ni, eu posto a seguir. Ela é interpretada por Misora Hibari, um marco da música japonesa, falecida já faz uns bons anos. E composta por Yasushi Akimoto: ""Sem saber, sem saber, vim caminhando por essa estrada estreita e longa. Ao olhar para trás posso ver bem distante a minha terra natal. Há estrada cheia de buracos e há estrada cheia de curvas que nem mapa tem, no entanto, isso também é uma vida. Como a correnteza do rio, muitas eras vão se passando serenamente. Como a correnteza do rio, o céu vai colorindo o entardecer incessantemente. Viver é navegar pela estrada sem fim, procurando a esperança junto com a pessoa amada. Mesmo numa estrada lamacenta, judiada pela chuva, um dia o sol vai brilhar. Como a correnteza do rio, quero deixar o meu corpo leve. Como a correnteza do rio que espera a mudança da estação para a neve se derreter. Como a correnteza do rio que ouve eternamente o murmúrio do riacho azul."

    ResponderExcluir
  22. Muito bonito André, e o melhor é que é verdade! parabéns pelo lindo convívio que vc tem com sua amada esposa, agora só falta vir outro carequinha né? em certas partes do seu texto até me lembrou a letra da musica do EDUARDO E MONICA, q tinham mts coisas diferentes mais mesmo assim no final o amor venceu. É isso aí mano, felicidades e td de bom.
    obs: amanha estarei fazendo o ultimo post do blog do pena desse ano, enquanto isso passe no www.cinemeirosnews.blogspt.com e veja outra HQ q virou filme e essa eu acho q vc conhece hehehe

    ResponderExcluir
  23. Anônimo29.12.10

    São histórias como essa que fazem a gente continuar tendo fé nas coisas!

    Gostei muito!

    Vanessa Pinho
    Diário Catarinense
    www.donna.diario.com.br/poraqui

    ResponderExcluir
  24. Nossa muito bom!
    Post bacana!

    ResponderExcluir
  25. Linda a história de vocês. Com certeza o importante é tentar =D

    ResponderExcluir
  26. 90% das mulheres são assim, amigo.
    SHUAshuhAushuHAusuHAsuhuAHS '

    Ótima companheira vc tem, meus parabéns.

    E sucesso pro seu blog, ótimos posts e uma organização sem tamanho.

    Feliz Ano Novo!

    Um abraço do http://www.bardesco.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  27. Ela é linda mesmo e talvez vocês não tenham tantas diferenças assim.... os dispostos se atraem, sabe.... valeu!

    F.

    ResponderExcluir
  28. Ela é muti bonita xD e concordo com o Franco, vcs naum tem tantas diferenças assim

    ResponderExcluir
  29. André,
    Cortou a foto pra não aparecer a careca não é? rsrs........
    Pow véio, como é que uma mulher bonita como sua esposa foi se apaixonar por um punk feio como tu? eheheh......
    Brincadeira meu amigo,
    que prazer em tê-lo como amigo blogueiro. A cada postagem super bem humorada, você se supera. A sua declaração à esposa aí, com certeza deve ter deixado ela muito emocionada.
    Não tenho outra coisa para falar a não ser parabenizá-lo pela família e pela felicidade que vocês traduzem aqui no blog.
    Um grande abraço à todos por aí, e que 2011 seja recheado de alegrias, sucesso, música boa e muitas felicidades.
    Grande abraço.

    ResponderExcluir
  30. Fiz o post, não gostei e acabei deletando. (É, esses dias estou inconstante.) Aí fiz outro e dediquei à vc e aos outros tantos que me visitam e me seguem. Ficou melhor! Vai lá ver!

    ResponderExcluir
  31. Meu amigo,
    Vim te desejar um feliz ano novo!
    Que 2011 venha e traga muitas bençãos e alegrias para vc e sua família.

    Um forte abraço!!!

    Te espero lá no blog ;)
    www.nicellealmeida.blogspot.com

    ResponderExcluir
  32. Felicidades para o casal!

    []'s

    ResponderExcluir
  33. nossa, sua esposa é linda
    e teve sorte em achar um legal como você e que a admira tanto...

    ResponderExcluir
  34. Nossa!
    Parece que esta é minha história! Sou criada em uma família super amorosa, evangélica, e muito correta. Como você disse, criada pra casar!
    Meu namorado é rockeiro, ateu e chinês. A família dele é fria e eles são muito distantes.
    Temos uma ótima convivência, porém, as vezes parece que não vai dar certo. Temos muitas brigas por conta das diferenças. Dá vontade de desistir e procurar alguém igual a mim. Mas lendo histórias assim, lembram a gente que nada é fácil, que temos que batalhar. Enfim, obrigada pelo seu texto! :)

    ResponderExcluir
  35. Rapaiz, que mulé LINDA!!!!!

    Meu querido, você nem precisaria ter dito nada, porque realmente deve ser impossível não amar a dona de um rosto tão meigo e com esta ternura no olhar.

    E viva o amor!

    ResponderExcluir
  36. Puxa, agente Carequinha, que "mujer hermosa", hein? Parabéns pela caça próspera ( hehehe ).

    Continue assim: enaltecendo a família.
    Ela é de fato o nosso alicerce seguro!

    Bjs,

    ResponderExcluir
  37. Que lindo e intenso. Me fez refletir muito, logo eu que sou toda tímida e é exatamente isso... Sempre temos medo de escolher um cara mulherengo, ou dos tipos. Mais as pessoas são diferentes, ninguém é igual.
    Que história linda a de vocês e fico muito feliz por vocês terem casado e se adaptado um ao outro. Se aprende muito amando e estando com a pessoa, convivendo.
    Adorei mesmo. Abraços

    ResponderExcluir
  38. Noss velho... história legal essa a sua..
    Espero também encontrar uma mulher que me faça feliz
    Gostei do Blog, da uma olhada no meu ai
    www.gazeandoaulas.blogspot.com
    TO TE SEGUINDO AKI EM !!

    ResponderExcluir
  39. droga, eu sou muito boba. chorei lendo este post.
    então, parabéns, vc acaba d ganhar mais uma seguidora.

    ResponderExcluir
  40. ahh,que Liindo! *----*
    Praticamente um Romeu e Julieta moderno(mas com um final feliz,claro).
    Rs...
    Parabéns!

    ResponderExcluir
  41. LINDAAAAAAAAAAA, meus parabens

    http://desabafodeumalunatica.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Obrigado pela sua visita e pelo seu comentário, volte sempre!