sexta-feira, 21 de junho de 2013

O retorno

A estrada é longa... Cercas, asfalto e terra.
Cana, pasto e soja.
Montanha, água e curvas.
Ponte, rio e poeira.
O sapato, o pé, o suor...
A vida que passa.
As imagens que passam...
As alegrias, as tristezas, O suor, o banho.
A falta de banho.
As desilusões...
A família que falta.
A mãe, o pai, os irmãos.
A estrada é longa...
Demoradamente longa. Insistentemente longa...
Os pensamentos conversam!
Brigam!
Insistem em perturbar.
Mas a volta é inevitável.
O retorno ao abraço da mãe.
O retorno aos conselhos do pai.
O retorno...
Mesmo que ela ainda esteja lá.
Mesmo que ela esteja com outro, com filhos, casada, compromissada.
O tempo e a estrada maturaram os pensamentos.
Recolocaram nos eixos.
Mostraram a verdade.
Verdade...
Ninguém é de ninguém.
E mesmo perdido nas estradas da vida.
Loucamente, perambulando, maturando...
Um dia a volta se faz necessária, e o recomeço também.
Deus tem mais a dar, do que o diabo pode roubar...
E a vida... Mesmo passando pelo longo caminho das desilusões.
Tem que ser vivida...
Feliz!

Aperte o play

20 comentários:

  1. Show! Parabéns pela postagem!!
    Grande abraço!

    ResponderExcluir
  2. Dedé, tudo bem com vocês?
    Pois é, assim como cantava o Cazuza: 'o tempo não pára'; por outro lado a vira gira em ciclos, e as coisas e pessoas de fato importantes e que valem a pena na nossa existência, podem até estrar em algum momento em 'stand by', mas estarão sempre aqui, e ali, presentes, porque já fazem parte de nós. E o retorno é inevitável, e que volte, tudo que seja bom e que nos dê força para seguirmos.

    Abração no povo daí e um beijinho no Samuelzinho!

    ResponderExcluir
  3. André, gosto do modo como fala do cotidiano. Gosto da facilicade que tens de expressar emoções e sentimentos dentro das palavras e frases.

    Teu poema desce forte, "pipocando" mexendo e re(mexendo) tudo que encontra lá bem dentro de nós.

    O texto tem vida, ele fala e olha pra nós !
    Parabéns meu amigo
    bom momento este!

    bacios e bom findi!

    ResponderExcluir
  4. Espetáculo,André! Quaisquer que sejam as "paisagens" temos que passar o melhor possível pela estrada da vida e tentar ser feliz! abração,chica

    ResponderExcluir
  5. Oi André que texto maravilhoso e tão real!
    E seja lá qual for o cenário da nossa vida, temos que passar com alegria, amor, determinação,
    sem desistir de alcançar a luz da esperança!
    Abração!
    Mariangela

    ResponderExcluir
  6. Oi André
    Mais um brilhante texto, que só pode ser escrito por uma mente brilhante quanto a sua! E o livro, quando sai?!
    Bjos.

    ResponderExcluir
  7. André, meu caro colega da blogosfera, um grande abraço. Eu penso que muitos, assim como eu, também compartilham da reflexão que esse texto traz, e mais que isso, esperamos o retorno das boas coisas que parecem terem se perdido pelo longo caminho do tempo.

    ResponderExcluir
  8. oi amigo,

    Tudo bem? Entendo que há momentos de afastamentos e outros de aproximação. Entendo que a vida conduz a esses momentos para que a sabedoria seja alcançada ou para reconhecermos o valor dos nossos.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  9. Olá meu amigo. Que belo texto!!
    A vida é assim mesmo: um eterno recomeçar!
    Um grande abraço, que Deus o abençoe.
    Adelisa.

    http://adelisa-oquerealmenteimporta.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Eu só acho que vc precisa escutar mais blues!
    Adorei o texto!

    Tb tenho o maior orgulho de ser tua amiga! só queria deixar registrado! hehehe

    ResponderExcluir
  11. Poxa. Bonito demais isso... Há de sempre se voltar ao lugar que é seu. Há de sempre buscar o que se deixou pra trás, sem exatamente ter deixado pra trás. Entende? Não? Nem eu... rsrs.

    Beijo, André.

    ResponderExcluir
  12. Olá Boa noite
    Dedé, meu amigo
    Belíssimo...
    ...qualquer decisão tomada na vida, implica em ganhar algumas coisas e perder outras, abrir certas portas e cerrar outras , dada a possibilidade de vida em que se acreditou, acredita ou vai acreditar um dia. E com a consciência clara de que é necessário o retorno,temos que seguir em frente, acreditando acima de tudo que estamos prontos para sermos felizes onde for...
    Obrigado pelo carinho
    Boa semana
    Abração

    ResponderExcluir
  13. OLÁ,GOSTEI DO SEU BLOG E ESTOU A LHE SEGUIR. VOCÉ JA TEM O EGRANA NO SEUBLOG?
    O QUE O EGRANA TEM DE MELHOR É O MOTIVO QUE VOCÊ NÃO PRECISA DE CLIQUES, APENAS
    GANHARÁ POR EXIBIÇÃO, OU SEJA VISUALIZAÇÃO, VC COLOCA O CÓDIGO NO SEU BLOG E PRONTO, É
    MUITO BOM E LUCRATIVO,
    COPIE O LINK ABAIXO COLE NO SEU NAVEGADOR E CADASTRE-SE:
    http://ads.egrana.com.br/indica/8438
    FIQUEM NA PAZ DE DEUS!!!!

    ResponderExcluir
  14. É isso aí meu amigo!! O importante é recomeçar sempre.
    jorge-menteaberta.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

  15. Olá André,

    Estive aqui ontem lendo seu texto, mas estava bem cansada e deixei para voltar hoje. Reli agora. Gostei muito.
    Há verdades incontestáveis que valem ser salientadas:
    "O tempo e a estrada maturam os pensamentos";
    "Ninguém é de ninguém";
    "Um dia a volta se faz necessária e o recomeço também";
    "E a vida...mesmo passando pelo longo caminho das desilusões, tem que ser vivida". Que seja da melhor forma e com o coração sempre pulsando no ritmo da esperança e da felicidade.

    Parabéns! Gostei também da música escolhida.

    Até breve.(Obrigada pelo carinho).

    Abração.

    ResponderExcluir
  16. O caminho muitas vezes tem obstáculos, porém por vezes ao nos concentrarmos nos obstáculos nos esquecemos de observar as lindas paisagens, sentir a quente brisa que roça a pele, aproveitar a sombra daquela frondosa árvore e até sentir o espreguiçar cansado no saudável corpo em gostosa sensibilidade física.
    A mente por vezes divaga e esquecemos até que temos companheiros de viajem muitas vezes sedentos de uma palavra de conforto um gesto de carinho ou até em dividir as coisa boas que encontramos pelo caminho.
    Bom seu texto e obrigado por dividi-lo comigo.

    ResponderExcluir
  17. Oi Andre :)
    Um belo e reflexivo texto.Gostei!
    Só quem não vive,não sofre.
    E precisamos viver com intensidade,
    apesar dos contratempos e desilusões...
    Bjs.

    ResponderExcluir
  18. Olá André
    Voltar é preciso, recomeçar é fundamental. Adorei a música.
    Abraço

    ResponderExcluir
  19. A estrada que é longa para alguns é muito curta para outros!
    Senti o suor, a falta de banho e toda a poeira nesse post!

    ResponderExcluir

Obrigado pela sua visita e pelo seu comentário, volte sempre!