sábado, 27 de fevereiro de 2016

Show


Show: uma republicação de um texto que tem pelo menos uns 15 anos. Mas acho que vão gostar.





E o show vai começar...
Abrem-se as cortinas.
O publico está ali... Esperando.
As luzes? Ok!
O som? Ok!
Um... Dois... Três, testando...
Um... Dois, três, testando.
Um... Dois...
As luzes?
O som? Ok!
Respeitável público. E agora com vocês, o mais espetacular show da terra!
Os risos... Os olhares... Os dentes à mostra!
Alegria, alegria!
Vamos sorrir.
Respeitável público... E agora com vocês... O show!
O show da vida.
O palco é a sua vida, o público é você, a bilheteria é a sua sorte ou o seu azar, o roteiro é você que escreve, baseado num enredo sugerido por Deus.
Atores convidados: Seu pai, sua mãe, seus amigos, seus inimigos, e mais alguns figurantes contratados de última hora.
E o show vai começar...
Ela se contorce de dor, o homem de branco repete insistentemente:
- Força! Força! Vamos você pode, força!
E o show vai começar...
Ela se contorce de dor, e o show está começando, está dilatando, está despontando, está sangrando, está... Está...
Luzes? Ok!
Som? Ok!
Umas palmadas na bunda!
Um choro anuncia.
Um choro anuncia.
Um choro anuncia o começo de mais um show!
O show começou!
Ela sorri, ela é a mãe!
Ele sorri, ele é o pai!
Todos batem palmas... É o show.
O show da vida.
Respeitável público, aqui agora, tem inicio o show mais espetacular da terra... O ator acabou de nascer. O ator principal de seu show, mas o ator coadjuvante do show do seu pai, e de sua mãe, e do seu médico, e da enfermeira... E... Enfim, somos um emaranhado de shows, que vem e que vão, com público ou não.
Você é o ator e ao mesmo tempo o “ videspectador “.
Luzes? Ok!
Som? Ok!
Um, dois, três... Começou !!!!!





13 comentários:

  1. Ah, que lindo! Isso mesmo, cada um que chega é assim que é recebido, o lindo show da vida!
    Amei ler, linda analogia, viver é mesmo estar em um palco, muitas vezes representamos por ter de ser assim, tem de tudo, alegria, tristeza, comunhão, união, separação, enfim...
    Vamos indo...
    Abraços apertados!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Ivone. Que bom que gostou.

      Excluir
  2. Muito bom. Gostei imenso.
    Um abraço e bom Domingo

    ResponderExcluir
  3. Lindo!! A alegria da vida temos que contemplar todos os dias.
    Vim retribuir a sua visita la no meu blog, espero mais vezes sua visita ilustre.

    Tânia Camargo

    ResponderExcluir
  4. Adorei! Lembrou aquela frase de Chaplin sobre a peça que é a vida. Cada show é único e especial e como a vida se a gente não presta atenção logo finda.
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. ANDRÉ: Eu gostei! Que texto lindo, meu amiguinho. Nossa, escrito há 15 anos! Incrível! O seu escrito transmite o mais importante: A nossa vida, o nosso eu, nossas esperanças. Muito bom. Como está vc, meu amigo? Estou bem sobrecarregada, mas preciso sempre vez após, entrar na blogosfera, pois é tão bom estar com vocês. Bjs e uma ótima semana.

    ResponderExcluir
  6. Ainda bem que você republicou, André; não gostaria de ter perdido esse fantástico texto! Obrigado, bom fim de semana.

    ResponderExcluir
  7. Oi André,
    vim lhe agradecer o carinho que recebi com sua visita lá no meu blog.
    Com relação ao seu comentário no antepasto de berinjela, fiquei curiosa se você tem a receita da coalhada, gosto muito, mas não sei fazer, se tiver e puder compartilhar.
    Abraços,

    Tânia Camargo

    ResponderExcluir
  8. Muito bom. Um abraço com carinho

    ResponderExcluir
  9. Muito bom. Um abraço com carinho

    ResponderExcluir

Obrigado pela sua visita e pelo seu comentário, volte sempre!