sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Tem trufa na grama

Existem coisas que são tão boas para umas pessoas e tão sem graça para a gente né?
Eu deixei um quintal no fundo de casa onde tem uma jaboticabeira e pensei que ali um dia eu plantaria um gramado, e que talvez até plantasse umas flores, e enfeitasse um jardim e talvez até fizesse uma horta, com muito alface, rúcula, almeirão e outras verdurinhas mais. Bom, o primeiro passo eu dei! Plantei a grama. Eu vejo no vizinho da frente que tem uma casa enorme com um jardinzão chique no “urtimo”, com uma grama que dá vontade da gente rolar, porque de tão certinha ela parece de algodão verde, e tudo parece tão fácil de fazer.
Minha cachorra a Frida adorou a grama, ela deitou, rolou, rastejou, despejou ali suas trufas de chocolate ( quando minha mulher vai limpar eu falo pra ela imaginar que são trufas de chocolate, hahahahaha, ela quer me matar), e mijou... Então pra Frida aquela grama é tudo, casa, cama, colchão e banheiro!
O pior foi um dia que eu abri a porta da frente de manhã cedo e a Frida havia trazido três placas de grama lá do fundo e colocado uma do lado da outra certinho e estava deitada em cima até sonhando com a vasilha de ração cheia de pés de galinha e ossinhos suculentos, e o pior é que a hora em que ela acordou e me viu, ela não fugiu para a casinha, como quando faz alguma arte, dessa vez ela balançou o rabão e me falou com os olhos, viu a grama que eu plantei aqui no alpendre?
Daquele momento em diante eu vi que teria muito trabalho pra Frida entender que eu não queria plantar grama na casa toda...
Todo dia tem que aguar a grama porque o tempo está muito seco e ela pode morrer. Ai o visinho me falou, se eu não achava aquela tarefa desestressante, porque ele poderia ficar horas mexendo no jardim dele que ele se sentiria no céu! É eu acho desestressante, só que cinco minutos e mais nada, depois bate um extresse de ficar ali com a mangueira jogando água que eu não agüento!
Então eu pensei hoje ( agorinha mesmo), como são engraçadas as coisas da vida. O que é prazeiroso e legal para umas pessoas, podem ser um saco para outras. Por isso é que existem tantos serviços diferentes com tantas pessoas trabalhando em coisas que você odiaria fazer, mas que elas fazem com prazer. Lógico que existem aquelas pessoas que estão no serviço errado e você acaba percebendo logo quando essa pessoa vem conversar com você ou lhe atender, dá pra ver que ela está ali por obrigação, e é por isso que o serviço dela não rende tanto e tão bem. Aprendi com a grama que devemos respeitar as pessoas que as vezes não são excelentes no seu serviço, afinal com esse nosso país tão desigual e fraco em oportunidades, as pessoas abraçam o que aparece para elas trabalharem.
Deve ser por isso também que minha grama não fica bonita igual a do vizinho, é porque ele cuida com carinho e eu por teimosia. Hahahaha, mas a Frida pelo menos tem carinho com a grama, afinal ela deve achar um saco ver eu escrever aqui no computador e por isso ela vai lá cavar seus buracões e plantar grama na garagem, no alpendre, debaixo do tanque e em outros lugares pela casa!

40 comentários:

  1. Querido André....

    rsrsrsrsrs

    Vc é mesmo incrível! Deveria postar todos os dias essas histórias que me matam de tanto rir e ainda deixam sempre uma boa lição!

    Frida é linda!!! E merece grama verdinha e bem tratada viu?!?

    Eu fico imaginando: vc pessoalmente deve ser uma figura muito legal!!!

    Obrigado pela visita e pelas palavras!

    Beijos da Sil

    Lindo fim de semana para vc, esposa e é claro para Frida!

    ResponderExcluir
  2. ooun't apaixonei no cachorro!

    ResponderExcluir
  3. Owwwww sou louca por cachorros. Se fosse eu até criava uma coragem para regar essa grama tb.

    Te achei numa comunidade do orkut e passei por aqui. To seguindo.

    Ah, contninue regando a grama, Frida agradece. Quem sabe os filhotes dela se interessem por te ver no computador, essa nova geração tá tão conectada na rede ;D
    Beijão

    ResponderExcluir
  4. ri muito, hahahaha.
    gostei :)

    ResponderExcluir
  5. Adorei seu blog! De verdade.
    A foto da cachorra não me prenderia a atenção, já que não sou uma fã de cães, mas o texto achei ótimo. A primeira frase foi o mínimo para eu ler além desse texto todos, algumas outras histórias. Que, por sinal, eu também adorei! :)

    E concordo com você no quesito respeito às pessoas quando trabalham, afinal, elas podem trabalhar por gosto ou por necessidade. Mas convenhamos, tem umas que simplesmente detestam o que fazem! Hahaha!

    Um abraço.

    ResponderExcluir
  6. Olá amigão...
    É muito interessante como vc transforma um fato do cotidiano em uma mensagem de reflexão p/ tds com toques de humor característicos. Gostei de mais e com certeza aprendi algo com sua mensgaem e até com a "Frida"tbém hehehe
    Pra finalizar, gostaria de dizer que o www.blog-do-pena.blogspot.com e o cinemeirosnews tbém estão com post novos ok, confira lá seu gordim!!

    ResponderExcluir
  7. kkkkkkkkk' a grama do vizinho sempre é mais verde, né? rsrs

    ResponderExcluir
  8. Aposto que o vizinho não tem a felicidade de ter uma Frida.
    Parabéns pelo blog e pelo texto..show!!!

    ResponderExcluir
  9. Que cachorra fofa! Queria pra mim (ficaria com 3 cachorros). kkkk
    Eu ri muito da Frida e tb não sou muito fã de mecher com planta, terra e etc.
    Valeu a bela mensagem.

    Bjos

    ResponderExcluir
  10. A paz abençoado!!!
    Você acaba de ganhar um selo!!!

    Acessa o blog www.momentosdeuncao.blogspot.com e saberá do que se trata!!!

    Beijo

    ResponderExcluir
  11. Que abordagem, Mansim! Dessa vez, para comentar sobre sua postagem, vou aproveitar de minha veia literária na construção. Sua primeira frase foi tão forte que só ela me cativou a ler todo o escrito de uma única vez. Isso é ótimo; você como crítico, cronista e escritor; faz as pessoas se prenderem na sua literatura. A desenvoltura é ótima, a relação que você fez entre vizinho-planta-cuidados-dedicação abordou um tema muito mais abrangente: O que você faz com amor e dedicação flui mais. Imagino que é por isso que seus escritos são tão incríveis, imagino que seja por isso que eu tento melhorar cada vez mais nas minhas narrativas.

    Ótimo texto, valeu, Mansim!

    ResponderExcluir
  12. Ninguém entende Frida!! Ela quer ter um Jardim tb poxa!! a mesma coisa q vc pensa do vizinho ela imagina de você! rsrs Campanha um Jardim para Frida...

    Abraço!


    www.brincandodefazerpiada.blogspot.com
    post novo todod sábado!

    ResponderExcluir
  13. Frida... que nome diferente para uma cachorra hehehehehehe
    você que gosta de animais já assistiu Sempre ao seu Lado? Muito bom...

    ResponderExcluir
  14. Que legal. Esse texto-relato é uma grata surpresa mesmo. Valeu a pena como um todo. As vezes nos pequenos acontecimentos da vida, do cotidiano, podemos aprender importantes lições e perceber coisas que nem sempre aprenderíamos normalmente com o nosso olhar habitual.

    ResponderExcluir
  15. Figuraça esse cachorro.
    Tenho um aqui que não desgruda....

    ResponderExcluir
  16. Realmente, o prazer de um pode ser o sofrimento de outro... mesmo assim, quase sempre a grama do vizinho é mais verde, enfim... gostei da Frida, da forma como o texto baila desenvolto diante dos olhos de quem lê... abraços!!

    ResponderExcluir
  17. Olha realmente boa história me fez dar algumas risadas '-' só q demorou pra abrir as fotos ( net d pobre uauhauh ) então me deixou um pouco triste mas em geral ta bem legal .

    ResponderExcluir
  18. Verdade eu estava no emprego errado por isso pedi as contas :D

    ResponderExcluir
  19. ushauhsuaa Seu dog é lindo!!! E que cara de sapeca ele tem hein?
    Fiquei imaginando a cara de felicidade dele e orgulho mostrando o "serviçinho" dele pra vc!!
    Realmente, que maravilha que somos tão diferentes né?

    E posso afirmar que o cotidiano é muito mágico qdo olhamos ele com mais interesse como fez com o seu dia!!

    Bjussssssssssss

    ResponderExcluir
  20. A trufa dessa grama acho que ninguém vai querer experimentar.... rs... acho que é legal ter bom humor para viver, aí as coisas podem ficar menos pesadas, mesmo para aqueles que estejam trabalhando em algo que não gostam e tal... e seria interessante mudar de trabalho também, se for possível, né, mas infelizmente são poucos os que podem escolher de verdade... abraços de novo!

    ResponderExcluir
  21. hahahaha muito bom texto. além de linda, a frida é super danada! boa sorte com ela! haha bjo

    ResponderExcluir
  22. A grama do vizinho sempre é mais verde, hehe. Mas nosso cachorro é sempre o melhor. Lol!
    Parabéns pela texto coloquial e leve, bem escrito, na medida certa.

    abç
    Pobre Esponja

    ResponderExcluir
  23. A saga da grama foi muito ilário!!
    Um texto bem gostoso e leve pra ler,tu escreve muito bem!
    Vou te seguir,abração e obrigado pela visita!!!

    ResponderExcluir
  24. kkkkkkkkk A cachorra foi boA! Pensei que vc ia falar das madames que saem com seus cãezinhos e não catam a caca deles! kkkkk
    E no final amei a sua conclusao do que pode se desestressante para uma pessoa e para outra nao.
    Muito bom mesmo.
    ta atualizado, trokei o link mas ta bonzinho
    http://paginazabertas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  25. UHAUHAHUHUAH ! Bem legal a história. Meus parabéns, bem legal seu blog.
    Seguindo...
    Grande abraço !
    G+

    Depois, quando puder, vai lá no meu blog. Se gostar, siga-nos ;D
    www.gabrieltododia.blogspot.com

    ResponderExcluir
  26. Adorei o post!!! Amo tudo que é relacionado aos cachorros!!! Parabéns pelo blog. Abraço.

    ResponderExcluir
  27. Cara, ri muito com a Frida, msm porque eu tenho uma em casa que é exatamente igual, o lance é que a reação dela foi mais "Hardcore", eu estava escrevendo e não dei atenção à coitada (que quase não me vê), revoltada ela deixou as trufas de chocolate em cima da cama, rsrsrsrs. Quanto a questão das "pessoas no trabalho errado" esse é realmente o maior problema dos profissionais brasileiros, que além de ter de lidar com a falta de oportunidade, ainda encontram-se com superiores que se encontram na mesma situação. Muito bom seu blog, voltarei mais vezes. Abraço!

    ResponderExcluir
  28. Mansim, morri de rir das trufas de chocolate e esbaldei-me com a beleza da Frida... Como vc, sou louca por animais e no mom. estou com um cãozinho recém nascido que há três dias não me deixa dormir... Buááááá... Imagine q para tentar aumentar a minha jornada de sono, coloquei até um relógio embaixo de seu cestinho ( fui buscar ajuda e aprendi q os animais pequenos costumam confundir o toc-toc do relógio com o coração da mama... Ai, é prazeroso gostar de animaizinhos, mas dóiiiiiii essa trabalheira, não?

    Frida é linda!!! Apresentarei para ela o meu poodle Beethoven, lindão de viver! kkkkkkk

    Beijão ( procê, Craudin, esposa, Frida... Vixe, a lista está engordando! ).

    ResponderExcluir
  29. Amei a história.kkk!Amo cachorros!Boa noite!

    SIGA E SEJA SEGUIDO(A)

    ResponderExcluir
  30. kkkkkkkkkkkkkk, muito bom cara!

    ResponderExcluir
  31. hahahaha.. adorei o texto.. a frida é linda!!..

    Realmente, algumas pessoas parecem ter um dom para certas atividades.. e outra.. nem tanto..rs

    Belo texto.. adorei o humor..

    ResponderExcluir
  32. Ahhh, amei o post e a Frida tb! Olha a carinha delaaaaa! =)
    Como o dia a dia nos ensina lições, né? Muito bom o seu post, meu amigo.
    Ohhh...vamos parando de ser linguarudooo einnnn! Eu ando numa correria louca no trabalho e até pra postar no meu blog, tem que ser correndo =/
    Mil desculpas por n ter vindo aqui esses dias, mas é sério, aqui é parada obrigatória já, independente lá das comunidades. E por sinal, puro drama seu, que nunca mais cai após o seu post pra vir comemntar aqui...nheeeeeee
    Fica com Deus! Um forte abraço!!!!
    www.nicellealmeida.blogspot.com

    ResponderExcluir
  33. cachorrinha incrivilmente sapeca...
    é sempre bom uma cachorrinha em casa,se meu namorado visse esse texto ele ia chorar pq a cachorrinha dele faleceu =(
    mu

    ResponderExcluir
  34. Não consigo comentar como deveria, meu cachorro morreu semana passada. Era um fila...

    ResponderExcluir
  35. hauahuahau As historias dessa cachorrinha até lembra meu cachorro.. mega levado.. Parabéns ri muito.. Gostei do seu texto !!

    http://projetosdeumlouco.blogspot.com

    ResponderExcluir
  36. Esta Frida é bonita e dominadora e sabe que é, olhe bem dentro de seus olhos .
    Ela é quem manda no pedaço.
    Kkkkkkkk.

    ResponderExcluir
  37. Ler relatos da relação homem-cachorro só me traz vontade. Nunca tive um animal de estimação com o qual eu pudesse me divertir. Peixes não são muito companheiros.

    http://co-pensado.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  38. Boa demais a reflexão que esse post promove.
    Sei que muitos trabalham no que não têm a menor vontade. Como diz o texto o país não oferece oportunidades, sendo o desemprego uma questão crônica.
    Graças a Deus faço o que me traz o maior contentamento e realização pessoal.
    Sou professor de História que por ironia ou provação nasci no dia do professor uahuah

    Abração do amigo "Calcanhar" aqui.

    ResponderExcluir

Obrigado pela sua visita e pelo seu comentário, volte sempre!